Cidades

Ponta Grossa deve ampliar equipes do PSF

Luciana Almeida

17/08/2011 às 18:06 - Atualizado em 02/09/2012 às 20:08

Até o final deste ano, Ponta Grossa deverá contar com ampliação de cerca de 30% nas equipes do Programa Saúde da Família. Das atuais 39 equipes, o número passará para 50. A informação foi fornecida, ontem, pelo presidente do Conselho Municipal de Saúde, Sérgio Doszanet, e foi confirmada pelo secretário municipal de Saúde, Winston Bastos. A implantação será feita em parceria com o governo federal. Por mês, cada equipe deve demandar investimento aproximado de R$ 20 mil dos cofres municipais, além de aporte do Ministério da Saúde.

Cada equipe, de acordo com Bastos, será formada por médico, enfermeiro, duas técnicas de enfermagem e agentes comunitários (um para cada 700 moradores da região). Cada equipe deve atender a 4,5 mil moradores.

Para o secretário, ao alcançar as 50 equipes, a Secretaria Municipal de Saúde deve abranger toda a população que demanda de atendimento via SUS. “Somente com as 50 equipes do PSF vamos abranger 225 mil habitantes de Ponta Grossa, o restante – perto de 95 mil habitantes – possui plano de saúde ou busca atendimento particular, conforme levantamento que fizemos. Fazendo essa conta, teremos uma abrangência total do PSF em Ponta Grossa”.

O atendimento via PSF será implantado nas unidades de saúde da Maria Otília; Shangrilá; Parque do Café; Sabará; Vila Real; Cara-Cará (duas equipes); Piriquitos; Cristo Rei e Parque dos Sabiás (duas equipes). Além de implementar as novas equipes, Bastos salienta que também está trabalhando para melhorar o atendimento nas equipes do PSF já existentes. “Algumas equipes, como a da Vila Ana Rita (Abrahão Federmann) chegam a fazer 915 consultas e 17 visitas domiciliares por mês. Em outras, temos 500 ou 600 consultas por mês, como na Adilson Baggio e na Aluízio Grochoski. Nesses locais, estamos trabalhando para potencializar o atendimento”.

Concurso

Para implantar as novas equipes do PSF, Winston Bastos acrescenta que será necessária a realização de concurso público para a contratação de médicos e enfermeiros. “Ainda precisamos trabalhar para a implementação, mas vamos fazer o possível para que essas novas equipes estejam prestando atendimento à população o mais rápido possível”. (L.A.)

 

Fábio Matavelli

PSF Atualmente, são 39 equipes em funcionamento

Publicidade
Enquete

Você já procurou o Procon alguma vez?

Publicidade
Flagra

Lembrança

Publicidade