Economia

Construção civil define novo piso salarial

23/07/2010 às 19:58 - Atualizado em 31/08/2012 às 09:15

O Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção Civil (Sintracon) e o Sindicato da Indústria da Construção Civil do Paraná (Sinduscon/PR) acertaram, na última quarta-feira, o novo piso salarial da categoria. Os reajustes nos salários variam de 10% a 12%, dependendo do cargo ocupado. As negociações se iniciaram em junho, mês da data base do setor. O acordo firmado, nesta semana, tem validade até 31 de maio do ano que vem.

Os sindicatos estabeleceram um reajuste de 10,10% no salário dos serventes, elevando o piso para R$ 719,4. Com o percentual de reajuste do vale compras o acréscimo passa a 13,36%. Assim, o piso mensal corresponderá a R$ 899,40 (com o vale compras).

O ‘meio profissional’ passa a contar com um piso de R$ 781. O aumento no salário, neste caso, é de 10,24%. Com o vale mercado o piso salta para R$ 961. Já o profissional obteve reajuste de 11,08%. O piso é hoje de R$ 1.014,20. Com o vale compras o trabalhador passa a receber R$ 1.194,20.

O piso do contra mestre foi acertado em R$ 1.122, ou seja, incremento de 11,35%. Com o vale mercado o salário sobe para R$ 1.302. O mestre de obras teve um reajuste de 12,13%. O piso passa a R$ 1.504,80. Com o vale compras sobe para R$ 1.684,80. Pelo acordo, os demais salários serão corrigidos em 10%.

De acordo com Richard Fabiano Dias, técnico de segurança do Sintracon, o vale mercado passou de R$ 140 para R$ 180 (todas as categorias profissionais).

Segundo Fabiano, neste momento, apenas o piso da construção civil está acertado. O Sintracon está negociando ainda o reajuste dos trabalhadores de categorias como de Mármores e Granitos, instalações elétricas e outras.

Na próxima segunda-feira, uma reunião em Londrina deverá definir o reajuste para a construção civil na região Norte. O primeiro acordo a ser fechado tradicionalmente é o de Curitiba. (L.R.B.)

Publicidade
Enquete

Você já sabe o que vai fazer com o 13° salário?

Publicidade
Flagra

Atenção

Publicidade