Pintor desaparecido é achado morto em PG

Edilene Santos

Fale com o repórter

Publicado em: 04/09/2012 - 00:00 | Atualizado em: 03/09/2012 - 19:38

Fábio Matavelli

Luis Alberto Lopes Teixeira morreu com um tiro no pescoço

 

 

A Polícia Civil abriu inquérito para investigar a morte do pintor Luis Alberto Lopes Teixeira, 33 anos. Ele estava desaparecido desde o dia 25 de agosto e foi encontrado morto neste fim de semana, no bairro Oficinas, em Ponta Grossa. Segundo o delegado Leonardo Bueno Carneiro, Luis Alberto foi assassinado com um tiro no pescoço.

O cadáver foi achado pelo Corpo de Bombeiros, por volta de 15h30 de sábado, no meio de um matagal na Rua Corredor, às margens da Avenida Presidente Kennedy (BR-376). De acordo com a Polícia Militar, o pintor morava em uma chácara, próximo ao local onde o corpo estava.

O cadáver de Luis Alberto foi recolhido pelo Instituto Médico Legal (IML). Uma equipe de peritos do Instituto de Criminalística também esteve no local. Segundo a polícia, a morte teria ocorrido no dia em que a vítima desaparecera, pois o corpo já tinha entrado em decomposição.

Leonardo explica que ainda não há pistas de suspeitos e o motivo também está sendo apurado. 

Compartilhar esta notícia

Publicidade

Comentários

Você precisa estar logado para comentar, clique aqui para entrar.
Se você for um novo usuário, clique aqui para se cadastrar.

  • 04/09/2012 - 08:49 - EMER

    Mais um crime em nossas redondezas. Que violência temos assistido diariamente. Muito triste. É preciso investigar e punir os culpados. A vida parece que perdeu a importância. Tudo o que plantarmos, iremos colher depois... É para pensar!!!