Blog do Canabarro
VAGA PARA ENGENHARIA QUÍMICA - CURITIBA

Compartilhando oportunidade para Cidade de Curitiba-PR:

GERENTE DE DESENVOLVIMENTO DE PRODUTOS ATRIBUIÇÕES

Será responsável por gerenciar a área de Desenvolvimento da empresa, respondendo pela implantação dos processos, desenvolvimento e aplicação de novos produtos e melhorias nos produtos já existentes para atender as necessidades dos clientes e do mercado.

Responde pelo desenvolvimento e acompanhamento de projetos para os novos produtos, gerindo ideias e soluções inovadoras para o processo.

PRÉ-REQUISITOS DO CARGO

Formação superior em Engenharia Química ou Química e especialização na área Possuir experiência mínima de 6 anos em cargos de gestão na área de Pesquisa e

Desenvolvimento de produtos Experiência sólida no departamento de desenvolvimento de produtos em indústrias PERFIL Criatividade, dinamismo, planejamento estratégico e liderança completam o perfil do profissional.

Interessados enviar currículo atualizado para: [email protected]outlook.com Oportunidade compartilhada 30.05.2017 www.grhi.com.br

TALENTOS MORTOS

O que vai ser dessa criança? Essa pergunta me foi feita por um padre, há três anos atrás, num momento em que eu estava questionando como seria o futuro do Benjamin. Confesso que na hora não entendi, mas na sequência o Padre Mário me explicou. Disse-me que o futuro reservado por Deus para o BJ ou para qualquer pessoa no mundo só poderia ser conhecido no futuro. E que ele pode vir a ser o primeiro médico, ou o primeiro presidente, ou o primeiro atleta de alto rendimento do país com síndrome de Down. E que a nós só cabe dar a ele as condições necessárias para que isso aconteça.

Vi num domingo desses uma notícia de um professor que cantava músicas de incentivo juntamente com crianças que se agachavam no corredor de uma escola para se proteger de tiroteios entre policiais e traficantes no Rio de Janeiro, e me veio à cabeça a pergunta do Padre Mário: o que vai ser dessas crianças?

TALENTOS MORTOS

A atitude do professor de usar a música para fazer uma ponte entre o antes e o depois do tiroteio livrou essas crianças da sensação de morte que rondava o local e elas, num futuro próximo, poderão ser aqueles que mudarão a realidade vigente em suas comunidades, simplesmente porque estão vendo a vida com outros olhos. Deitados no chão, tremendo de medo, ou correndo apavorados, a vida dessas crianças nessa comunidade poderá tornar-se somente a repetição do padrão de comportamento em que estão submetidos, e assim todos os seus talentos poderiam ser assassinados. A iniciativa do professor pode ser a ruptura do status quo.

A MUDANÇA COMEÇA NA INFÂNCIA

Quando vejo aquelas escolas onde as crianças sentam em cadeiras quebradas, salas sem luz, sem conforto, professores mal preparados e sem recursos, fazendo mais do que podem, sem banheiros e sem alimentação de qualidade, imagino o quanto nosso país está perdendo pontos na bolsa de valores futuros da humanidade, pois a motivação para continuar na escola e a energia necessária para manter o corpo saudável e o cérebro em desenvolvimento não estão sendo ofertados aos alunos desses locais. E isso vai gerar e manter uma defasagem monstruosa em relação a jovens que vivem em condições melhores, no Brasil e no resto do mundo.

Cada criança traz em si um potencial gigantesco de transformação, mudança e criatividade. E essas ferramentas que vêm no espírito investigativo de cada um precisam receber na infância todos os ingredientes necessários para se desenvolverem e se potencializarem para serem usadas na vida adulta. Mudar o país para melhor depende somente de uma aposta verdadeira e concreta na forma de conduzir a vida dos pequenos. Saúde, educação, proteção e alimentação são a base que sustenta uma infância de qualidade e o surgimento de um adulto atuante e transformador.

Imagine se os pequenos saíssem de suas casas nas favelas, comunidades pobres ou das mansões e entrassem numa escola linda, equipada, organizada e com professores motivados, com condições de trabalho e bem remunerados. Com certeza teriam um referencial de vida muito construtivo e poderiam levar essa modelo para dentro de casa e depois para a sociedade, fazendo assim o embrião de um mundo melhor para todos.

SOMOS POUCO FELIZES

Ao longo dos 25 anos de minha história como professor tenho acompanhado de perto o despertar de personalidades nos jovens estudantes, futuros médicos, engenheiros, professores, etc. Vejo hoje em dia uma maior falta de convicção dos jovens em relação às escolhas que irão influenciar o desenrolar de todo o resto de suas vidas. Em 1992, quando comecei, a escolha da carreira era uma discussão mais profunda, que envolvia a escola e a família, e os jovens contavam com um pouco mais de apoio para esse momento. Além disso não existiam tantas opções de carreiras e nem tantas opções de distração produzidas pela tecnologia e seus efeitos na sociedade. E a forma como a família se organizava e conversava sobre seus problemas também era diferente, tendo um núcleo familiar mais sólido e consistente.

Hoje em dia essa e outras escolhas são feitas com poucos parâmetros. Alguns consideram a possibilidade de ganhar dinheiro, outros consideram a possibilidade de estabilidade, outros consideram a oferta no mercado e uma boa parcela dos jovens não leva nada em consideração e embarca na primeira oportunidade que consegue alcançar. Poucos falam sobre ideais e realização pessoal. Em casos mais graves tratam o dinheiro como realização pessoal.

REFLEXOS NA SALA DE AULA

Esses parâmetros acabam afetando todas as relações em sala de aula e, futuramente, acabarão afetando a família e a sociedade como um todo. Afinal é pouco provável que uma pessoa que escolheu uma missão na vida sem que nela esteja um reflexo do seu coração faça essa atividade com a dedicação necessária. Pelo simples fato que aquela tarefa, atividade ou desafio é colocado no papel de uma obrigação entre o hoje e aquilo a que está buscando de fato: dinheiro, comodidade, estabilidade, etc..., ou seja, não é a missão de sua vida. Essas coisas todas seriam muito boas se fossem temperadas com grandes doses de amor, realização, altruísmo e ideal de mundo melhor e qualidade de vida em sociedade e família.

FELICIDADE

Tudo o que fazemos na vida deveria nos levar para uma busca constante pela felicidade. E A FELICIDADE É ALTRUÍSTA, POIS NÃO EXISTE E NÃO EXISTIRÁ UMA PESSOA FELIZ SOZINHA. A felicidade é compartilhada espontaneamente, sem precisar de esforço para que isso aconteça. Gastar esta vida, a única que temos, em tarefas sem amor, sem profundidade, sem entrega, sem paixão nos colocará em um modo automático de vida, deixando na boca aquele gosto amargo de PODERIA TER SIDO MELHOR’. Por isso olhe para sua história e analise suas escolhas e veja se elas são o que você é, se elas te proporcionam o que você sonha e se darão às pessoas que você ama o seu melhor.

CONCURSO PÚBLICO PARA PROFESSOR - INFORMÁTICA - UTFPR PONTA GROSSA

CONCURSO PÚBLICO - PROFESSOR DO MAGISTÉRIO FEDERAL

Estão abertas, a partir de 27/05/2017 as inscrições para o Concurso Público destinado ao provimento de 1 (um) cargo da para a Professor do Magistério Superior, Classe A, denominação Adjunto A, conforme o Edital 009/2017-CPCP-PG. As inscrições estarão abertas até 18/06/2017.

Área/ Subárea VG CH Requisitos
ÁreaCiência da Computação 01 DE Graduação na área de Ciência da Computação ou em áreas afins, todos com Doutorado na área de Ciência da Computação ou em áreas afins.
Subárea: - Desenvolvimento para WEB e Dispositivos Móveis;

- Algoritmos e Complexidade.


Inscrições e edital disponíveis no site:
http://www.utfpr.edu.br/concursos/campi/pg/cpcp

VAGA PARA COORDENADOR DE PRODUÇÃO

COORDENADOR DE PRODUÇÃO para uma importante indústria de Autopeças no interior de SP.

O profissional "gerenciará" a fábrica (3 turnos), respondendo ao Diretor Industrial da Planta.

Mandatório possuir sólida experiência em indústrias de Autopeças ou Montadoras.

Mandatório inglês FLUENTE (nível não será flexibilizado, independente da experiência profissional)

Trata-se de uma vaga confidencial (substituição) e, portanto, todas as informações serão dadas aos candidatos contatados para entrevista.

Remuneração: R$ 12.500,00 + pacote de benefícios atrativos.

Interessados deverão encaminhar o CV para [email protected]gmail.com (mencionar, última ou atual remuneração).


VAGA PARA SUPERVISOR DE UNIDADE
A Future RH está com Processo Seletivo Aberto para: Cód. 656 - SUPERVISOR DE UNIDADE Qtde. de vagas: 1 PONTA GROSSA - PR Inscreva-se no banco de Candidatos: www.futurerh.com/vagas e candidate-se (Inscrição Gratuita), tire suas duvidas pelos fones (42) 3224.2409 / (42) 3224.4074.
MANTENHA AS PORTAS ABERTAS

Uma prática saudável em todas as esferas de nossas vidas é a de manter as portas abertas nos locais por onde passamos. Escolas, empresas, igrejas, projetos, rodas de amizade, enfim, em todas as coisas que você estiver envolvido, tome o cuidado de deixar aberta uma passagem depois de você. Dessa forma, se algum dia precisar voltar será bem recebido, mas se não precisar poderá abrir caminho para alguém em seu lugar. A porta aberta é um convite e um reconhecimento, de que você chegou, realizou, evoluiu e deixou saudades.

Sem, é importante evoluir e deixar saudades. A evolução mostra que você foi capaz de aprender muito enquanto esteve por lá, e com esse aprendizado foi capaz de fazer muitas e grandes coisas, deixando um legado tão grande que sentem sua falta.

Não raro escuto nas organizações por onde transito que na época do fulano a empresa funcionava assim, na época do beltrano a empresa funcionava assado. É bastante gratificante ver que sua passagem agregou valor ao lugar e, principalmente, às pessoas que tiveram o privilégio de trabalhar e conviver com essa pessoa.

EVOLUÇÃO

A sua passagem em um determinado lugar permite que você promova a evolução das pessoas ao seu redor e vice-versa. Essa evolução será proporcionada pela história de vida, o capital intelectual, os modelos mentais e a experiência de cada indivíduo. Se o seu comportamento permitir que haja troca entre você e seus colegas de caminhada, ao final do processo todos terão evoluído. Mas ao contrário, se o comportamento de um não permitir essa troca, todos perderão, principalmente o ambiente onde as pessoas convivem, que passará por uma involução e atrairá pessoas com esse perfil.

ÉPOCA DE CRISE

Falar que nosso país é um nervo exposto no que diz respeito à ordem e ao progresso é redundância. E os principais atingidos pela locomotiva desgovernada da nossa classe política é o povo trabalhador. Nas épocas de crise, onde são escassas as oportunidades de trabalho, é que se percebe o quanto é importante que as portas estejam abertas, pois você pode precisar voltar sobre os seus passos e reencontrar com velhos companheiros. E se a porta estiver fechada para você? Muitas vezes não se percebe o valor que cada trabalho tem na sua vida e quando troca de emprego, toma medidas impensadas que farão com que não seja mais bem-vindo. Falar mal do local e das pessoas. Entrar com ações trabalhistas injustas, ser antiético com as informações a que tinha acesso na empresa anterior, ou simplesmente se recusar a repassar o conteúdo do seu trabalho para a pessoa que ficará no seu lugar, são alguns exemplos de atitudes que fecham as portas permanentemente para você e qualquer pessoa de seu relacionamento. Por isso, análise sempre se o que você fará ao sair de uma empresa é justo, ético e honesto. Se os três adjetivos fizerem parte da ação sua ação, então vá e faça, mas se um ou mais deles não estiver presente na ação, não faça, pois ela fechará as portas do local para você.