Coluna DC
Comunicação da Prefeitura de PG tem novo representante 
Divulgação/Prefeitura PG

Desde esta terça-feira (8) a Prefeitura de Ponta Grossa conta com uma nova figura representando a comunicação do governo. Quem passa a ocupar a posição de diretor de Comunicação é o empresário Marcus Fabrizio Busato, setor comandado nos últimos dois anos pela jornalista Nadja Kincheski, que deixa a assume agora outros compromissos profissionais. Fabrizio é formado em marketing e estuda pós-graduação em gestão empresarial em marketing digital. Foi diretor da produtora Zero Z de 1998 a 2018 e também lecionou no curso de produção publicitária, 2010-2011, na Faculdades Cescage. 

Aposentadoria 
Levantamento do Instituto Paraná Pesquisas aponta que 53,1% dos brasileiros são contra a volta da aposentadoria de ministros dos tribunais superiores aos 70 anos - hoje, a aposentadoria se dá aos 75 anos. Por outro lado, 42,2% dos entrevistados responderam que são favoráveis a aposentadoria aos 70 anos, enquanto que 4,7% não souberam responder. 
O instituto entrevistou 2.006 pessoas entre os dias 12 e 15 de dezembro em 148 cidades dos 26 estados, além do Distrito Federal. A margem de erro é de dois pontos percentuais e o grau de confiança é de 95%.

Frase
"Segurança terá integração, planejamento e inteligência", governador do Paraná, Ratinho Junior (PSD), durante solenidade de troca de comando da Polícia Militar do Paraná.

Arquivamento 
 

(Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil


O Senado deve arquivar até o fim desta semana quase três mil proposições apresentadas por parlamentares em legislaturas anteriores. O número representa 46% do total de matérias em tramitação na Casa. A decisão vale para propostas analisadas tanto pelas comissões quanto pelo Plenário. O volume de arquivamentos este ano é maior do que o de outras legislaturas. De acordo com o secretário-geral-adjunto da Mesa, José Roberto Leite de Matos, isso se explica pela renovação inédita na Casa. De 81 cadeiras, 46 serão ocupadas por novos parlamentares.

Restrições
Os alimentos industrializados poderão sofrer restrições em sua composição visando a melhoria da saúde dos consumidores. Tramita no Senado um projeto que fixa limites máximos de gorduras, açúcares e sódio contidos nesses produtos. A matéria (PLS 532/2018) aguarda recebimento de emendas na Comissão de Assuntos Sociais (CAS). O Brasil consome 50% a mais de açúcar do que o recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e quase o dobro da quantidade recomendada de sal, o que colabora para o aumento de doenças.

Alegações finais 
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva reafirmou, por meio de sua defesa, que jamais foi proprietário do sítio Santa Bárbara, em Atibaia, em São Paulo. A manifestação dele consta nas 1.643 páginas das alegações finais entregues à Justiça Federal em Curitiba e fazem parte da última fase da ação penal na qual Lula e mais 12 réus respondem às acusações de corrupção e lavagem de dinheiro. A partir de agora, caberá a juíza Gabriela Hardt, da 13ª Vara Federal, proferir a sentença. Não há prazo para decisão. 

Projeto que prevê mudanças na taxa de iluminação pública sai para vista

Depois de ser aprovado em primeira votação, o PL 85/18, do Poder Executivo, que prevê alteração na Lei Municipal 7.094/2002 foi retirado para vista de um dia a pedido do vereador Valtão (PP). A proposta prevê que a unidade de valor para custeio (UVC) será reajustada anualmente pelo mesmo índice utilizado para o reajuste da tarifa de energia elétrica, devidamente autorizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) para o subgrupo tarifário de iluminação pública. A principal preocupação dos vereadores é se a mudança vai impactar no valor pago pelos cidadãos.

Vereador Valtão pediu retirada da proposta para vista (Divulgação/Kauter Prado)

Informações 
Para que possam votar sem peso na consciência, os vereadores de Ponta Grossa devem pedir uma reunião com a presidente da Agência de Fomento Econômico de Ponta Grossa (Afepon), responsável pelos serviços de iluminação pública da cidade, Danielle Schlumberger, para esclarecer maiores informações sobre arrecadação atual da Afepon, serviços prestados, impacto que a mudança da lei terá sobre a tarifa pago pelos contribuintes, entre outras informações. O assunto deve voltar à pauta na próxima segunda (3). 

Frase
"Trazer para Ponta Grossa esse prêmio máximo é a garantia e a certeza de que estamos no caminho certo", Marcelo Rangel (PSDB), prefeito de Ponta Grossa, ao recebe Prêmio Gestor Público Paraná. 

Ministérios
O deputado federal Osmar Terra (MDB-RS) foi confirmado hoje (28) pela assessoria do governo de transição para ocupar a pasta da Cidadania. O ministério será responsável por programas como o Bolsa Família e vai fundir as atribuições dos ministérios do Esporte, da Cultura. Além disso, o presidnete eleito, Jair Bolsonaro (PSL) publicou, em sua conta no Twitter, que o atual secretário executivo do Ministério da Integração Nacional, Gustavo Henrique Rigodanzo Canuto, será o ministro do Desenvolvimento Regional.

Ministro do Turismo
O ministro extraordinário da transição, Onyx Lorenzoni, anunciou na tarde de hoje (28) que o deputado federal Marcelo Álvaro Antônio (PSL) será ministro do Turismo no governo de Jair Bolsonaro. O anúncio foi feito ao lado do presidente eleito, no momento em que ele deixava a sede do Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), para retornar ao Rio der Janeiro. Marcelo Álvaro está no segundo mandato e foi o deputado mais votado de Minas Gerais nas últimas eleições, com mais de 230 mil votos. Ele integra a frente parlamentar evangélica no Congresso. 

Prazo 
A governadora Cida Borghetti (PP) encaminhou na terça-feira (27) à Assembleia Legislativa uma emenda que modifica o projeto de lei que estabelece condições gerais sobre a renegociação de dívidas tributárias com o Estado. A medida vai possibilitar ao contribuinte do ICM e ICMS o pagamento de seus débitos fiscais com percentuais de juros reduzidos e o aumento no número de parcelamentos. Agora, será possível parcelar as dívidas em até 180 meses. A governadora disse que a alteração é uma medida essencial que atende a demanda dos setores produtivos do Paraná.
 

Bochenek está entre os nomes mais citados para assumir a 13ª Vara da Justiça Federal, no lugar de Sergio Moro

Entre os nomes mais citados para assumir a 13ª Vara da Justiça Federal do Paraná, no lugar do juiz federal Sergio Moro, que aceitou o convite do presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), para assumir o Ministério da Justiça em 2019, é o do juiz da 2ª Vara Federal de Ponta Grossa, Antônio César Bocheneck. Além de amigo de Moro, Bocheneck é ex-presidente da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe). Os dois, inclusive, estiveram no Senado, em 2015, para defender o endurecimento do Código Penal. Quem assumir em definitivo a 13ª Vara ficará à frente dos processo da Operação Lava Jato. 

Fusão dos ministérios 
A deputada federal reeleita, Leandre Dal Ponte, líder do Partido Verde (PV), se posicionou sobre a intenção do presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), de fazer a fusão do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento com o Ministério do Meio Ambiente. "A nosso ver, o resultado de uma fusão como essa trará problemas tanto para a gestão ambiental quanto para a gestão do agronegócio no Brasil", aponta a deputada. Para ela, embora exista uma relação intrínseca entre meio ambiente e agricultura - uma vez que o equilíbrio ambiental é condição necessária para garantir a produção - a gestão das duas áreas não se resume apenas a essa relação.

Frase
“As transformações acontecem. O que não pode acontecer, nunca, é a transformação contrária às liberdades humanas, aos direitos fundamentais”, ministra Cármen Lúcia, do Supremo Tribunal Federal (STF), ao participar de evento em comemoração aos 30 anos da Constituição Federal.


Dedução do IR
A Comissão de Fiscalização e Tributação (CFT) da Câmara dos Deputados aprovou, na última semana, o PL 8821/2017, que autoriza a dedução do Imposto de Renda dos participantes de fundos de pensão que fazem contribuições adicionais para cobrir déficits das entidades de previdência. A matéria, de autoria do deputado federal Sérgio Souza (MDB), recebeu parecer favorável do relator e foi aprovada por unanimidade.
De acordo com o texto, a proposta tem o objetivo de garantir aos participantes menor prejuízo causado por gestões fraudulentas. 

Agrinho
A governadora Cida Borghetti participou nesta segunda-feira (5) da premiação do Concurso Agrinho 2018, promovido pela Federação da Agricultura do Estado do Paraná (Faep). Cida disse que o programa é uma das parcerias mais bem-sucedidas entre o poder público e o setor produtivo paranaense. “O Agrinho fomenta o interesse dos estudantes e professores na pesquisa, na preservação e no cuidado ao meio ambiente, preparando nossas crianças para o futuro”, afirmou. Em sua 23ª edição, o Agrinho teve 7 mil trabalhos inscritos e envolveu cerca de 800 mil alunos e 50 mil professores das redes pública e privada do Paraná.

Cobrança 
Portaria publicada na última quinta-feira (1º) no Diário Oficial da União (DOU) prevê cobrança pelo acesso matutino do público em geral ao conteúdo da publicação, onde são divulgados os atos do governo, como leis sancionadas, normas e decretos. O acesso ao DOU, veiculado todos os dias no portal da Imprensa Nacional na internet, atualmente é gratuito. A partir da norma, o acesso às edições completas do DOU em formato de leitura será gratuito apenas das 12 às 23h59, diariamente.

PT reafirma candidatura de Lula para presidente da República

O Diretório Nacional do PT se reuniu hoje(24), em Curitiba, para definir as próximas ações do partido. Em nota, reiterou a inocência do ex-presidente Lula e o registro oficial da candidatura dele em 15 de agosto. Antes, o PT indicará, em 28 de julho, o nome de Lula como o candidato da legenda para as eleições presidenciais de outubro. O ex-presidente está detido, na Superintendência da Polícia Federal de Curitiba, desde o último dia 7. Ele foi condenado a 12 anos e um mês por corrupção e lavagem de dinheiro.

Frase
"Nosso compromisso é ampliar as parcerias já existentes e integrar ações que melhorem a vida dos paranaenses", governadora Cida Borghetti (PP), em reunião com o novo diretor-geral brasileiro da Itaipu Binacional. 

Cohapar
A governadora Cida Borghetti dá posse ao novo presidente da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), Nelson Cordeiro Justus, nesta terça-feira (24), em evento na sede da empresa, em Curitiba. Ele assume a presidência em substituição à Abelardo Lupion, nomeado novo secretário de Estado de Infraestrutura e Logística. Formado em direito pela PUC-PR, Justus atuou por uma década como advogado, em especial na prestação de serviços de consultoria para a administração pública. Nos últimos sete anos, foi o responsável pela Diretoria de Regularização Fundiária da companhia. 

Moção 
O vereador Vinícius Camargo (PMB) encaminhou uma Moção de Sugestão Legislativa ao prefeito Marcelo Rangel (PSDB), que propõe a criação do programa ‘Nota Ponta Grossa’. O objetivo, conforme o vereador, é incentivar que tomadores de serviço exijam de prestadores a emissão da Nota Fiscal de Serviços Eletrônica (NFS-e), para contribuir com a fiscalização e com as receitas do município. Os créditos poderiam ser trocados por descontos no IPTU, doados para instituições beneficentes locais ou até mesmo resgatado através de contas bancárias. 


 

Prefeitura de PG quer criar Grupo de Teatro 'Cidade de Ponta Grossa'

Grupo de Teatro 
Os vereadores de Ponta Grossa aprovaram, em primeira discussão, durante sessão desta segunda-feira (9) projeto de Lei 472/2017, do Executivo, que cria o Grupo de Teatro 'Cidade de Ponta Grossa'. A proposta atende solicitação da Fundação Municipal de Cultura e tem como escopo a promoção do ensino e da prática teatral no município, proporcionando a democratização e o fomento da cultura na cidade. Pela proposta, o grupo será composto por até 15 alunos, que serão atores efetivos, além de alunos que vão compor a equipe técnica. 

FRASE
"Nosso objetivo neste momento é buscar mais recursos para investir em projetos nos 399 municípios do Paraná", Silvio Barros, ao assumir a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Urbano. 


Homenagem 
Benzedeiras de Ponta Grossa foram homenageadas na Câmara de Vereadores, durante a sessão desta segunda-feira. O vereador Jorge da Farmácia (PDT) propôs moções de aplauso a diversas benzedeiras, que acompanharam a sessão. O presidente da Fundação de Cultura, Fernando Durante, e os servidores Maria Czekalski, Marina Rodrigues Semensati e Eduardo Godoy pela produção de um documentário sobre a atuação das benzedeiras no município. 

(Divulgação/Kauter Prado)

 

Vinicius preside CPI dos Terrenos Baldios

O vereador Vinícius Camargo (PMB) é o presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) voltada a investigar a situação de terrenos baldios e imóveis abandonados em Ponta Grossa. O próprio parlamentar havia apresentado o requerimento para a criação da CPI e acabou sendo eleito presidente do grupo - a relatoria coube ao vereador João Florenal (Podemos). A CPI é composta ainda pelos vereadores Pietro Arnaud (Rede), Ricardo Zampieri (PSL) e Eduardo Kalinoski (PSDB). 

Foto: Divulgação/ Kauter Prado

 

Julgamento 
Magistrados e membros do Ministério Público que compõem o Fórum Nacional de Juízes Criminais (Fonajuc) entregaram ontem (2) ao Supremo Tribunal Federal (STF) uma nota técnica contra uma possível mudança na decisão da Corte que autorizou a prisão de condenados após a segunda instância da Justiça, em 2016. O documento obteve cinco mil assinaturas de integrantes do fórum. O documento foi motivado pelo julgamento, marcado para a próxima quarta-feira (4), do habeas corpus protocolado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para evitar a execução provisória da pena. 

Frase
“Não há respeito ao direito, nem esperança de justiça e ética”, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, em pronunciamento que será exibido na TV Justiça.


Apoio 
Na manhã desta segunda-feira (2) o Partido da República oficializou o apoio da sigla ao pré-candidato ao governo, Ratinho Junior (PSD). O anúncio foi feito na sede do PR, em Curitiba, pelo presidente estadual, o deputado federal Fernando Giacobo. Também estavam presentes a deputada federal Christiane Yared e o deputado federal Luiz Nishimori. Para Ratinho Junior, esse apoio é importante pelo tamanho e expressão do PR. O Partido da República não tem representantes na Assembleia Legislativa.


Presidência do PSL
O vereador Ricardo Zampieri oficializou, durante palestra na quarta-feira (28) com o pré-candidato a presidente, Jair Bolsonaro, filiação ao Partido Social Liberal (PSL). Além disso, Zampieri assumiu a presidência do PSL na região. A filiação ao PSL aconteceu, segundo Zampieri, após o Solidariedade expulsá-lo da sigla. "É uma questão diretamente envolvida com a executiva nacional do partido. Inclusive já vínhamos sofrendo notificações do partido (executiva nacional), para se alinhar à postura, o que acabamos não seguindo e também não concordando", frisa.

Foto: Divulgação/ Kauter Prado


Luto 
A Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) declarou luto oficial na manhã desta segunda-feira (2) em razão do falecimento do ex-deputado estadual e ex-senador Luiz Alberto Martins de Oliveira, ocorrido na noite de domingo (1º). Luiz Alberto Martins de Oliveira foi deputado estadual por quatro legislaturas, entre os anos de 1975 e 1990. Também foi senador da República entre 1995 e 1996, época em que o titular, José Eduardo Vieira, assumiu o Ministério da Agricultura do governo de Fernando Henrique Cardoso. 

PR divulga apoio a Ratinho Junior

Apoio  
O Partido da República (PR), é o mais novo aliado do deputado estadual e pré-candidato ao Governo do Paraná, Ratinho Junior (PSD). Durante encontro realizado no último final de semana, o presidente estadual do PR, deputado Federal Fernando Giacobo, oficializou o apoio. “O nosso projeto está crescendo. Com a chegada do PR ampliamos nossa base de atuação e consolidamos a presença em mais municípios. Abrimos novas fronteiras e ficamos ainda mais próximos da população”, destacou Ratinho Junior ao falar sobre a nova aliança. 

Frase
“Será um governo de continuidade e de gestão eficiente”, Cida Borghetti (PP), vice-governadora, durante anúncio da desincompatibilização do governador Beto Richa.

Escola sem partido 
Em sessão extraordinária na tarde de segunda-feira (26), a Comissão de Constituição e Justiça da Alep aprovou o projeto de lei nº 606/2016, dos deputados Missionário Ricardo Arruda (PEN) e Felipe Francischini (SD), instituindo no Sistema Estadual de Ensino o Programa Escola sem Partido. O líder do Governo, deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB), que já havia apresentado um voto em separado, favorável, mas com emenda substitutiva geral, retirou a emenda e votou contra o texto, mas foi seguido apenas pelos deputados Péricles de Mello (PT) e Nereu Moura (MDB).

 

Entrevista
"Os brasileiros querem um governo de leis, não um governo de interesses especiais", afirmou o juiz Sérgio Moro, da Operação Lava Jato, na noite de segunda-feira (26) em entrevista ao programa Roda Viva, da TV Cultura. O juiz disse que "é necessário vontade política para construção de instituições que diminuam a corrupção". Sobre a corrida presidencial, ele afirmou que não se pode generalizar quando se fala de políticos, mas que há "bons candidatos". Ao mesmo tempo, segundo ele, "há outros não tão bons" e ainda existem outros ainda que "merecem juízo maior de censura".

Caravana 
O Partido dos Trabalhadores (PT) divulgou, em seu site, que os "parlamentares do partido estão levando a público fatos lamentáveis que vêm ocorrendo durante a passagem da caravana de Lula pelos estados do Sul do país". Ainda segundo a nota, assim como fizeram na segunda-feira (26) Dilma Rousseff e Celso Amorim, em entrevista a jornalistas da imprensa internacional, os congressistas petistas estão expondo "todas as afrontas à legalidade e à democracia que significam as cenas que têm ocorrido nos últimos dias". 

 

Projeto que torna opcional educação em tempo integral é arquivado

Projeto 
Sob aplausos de profissionais da Educação que acompanharam a sessão ordinária da Câmara de Vereadores nesta segunda-feira (26), o vereador Ricardo Zampieri (SD), integrante da Comissão de Legislação, Justiça e Redação da Câmara, informou que a Comissão vai arquivar, devido à inconstitucionalidade, o projeto de Lei 58/2018, de autoria dos vereadores Celso Cieslak (PRTB) e Jorge da Farmácia (PDT) e que tornaria opcional a educação em tempo integral nas escolas da rede municipal de ensino de Ponta Grossa. 


Recurso
Quando o parecer contrário da Comissão de Justiça é assinado por todos os cinco membros, o projeto é mandando para ser arquivado. No entanto, cabe recurso por parte dos autores. São cinco dias para notificá-los e mais dez para eles impetrarem o recurso. Além disso, o projeto recebeu uma emenda lida na sessão desta segunda, que ainda vai para parecer. Além de Zampieri, integram a comissão os vereadores Vinícius Camargo (PMB) - presidente da Comissão - Dr. Zeca (PPS), Pietro Arnaud (Rede) e Florenal (Podemos).

Frase
"Aqueles que me conhecem sabem que não tenho apego a cargo, título ou posição e que estou na política para servir", governador Beto Richa (PSDB), ao anunciar que vai deixar o cargo para disputar uma vaga ao Senado.

Segurança 
O Plenário da Câmara dos Deputados pode votar nesta terça-feira (27) o Projeto de Lei 3734/12, que cria o Sistema Único de Segurança Pública (Susp). A proposta, de autoria do Executivo, já está em regime de urgência, aprovado na semana passada. Enquanto alguns deputados elogiaram acelerar a tramitação e defendem a aprovação do texto, a bancada do PT pede mais discussão do tema. Nas últimas semanas, a proposta tem sido intensamente negociada pelas lideranças partidárias. 

Reforma ministerial 
A vinda a Ponta Grossa, no domingo (25), para anunciar quase R$ 36 milhões de investimento para a unidade do Tecpar na Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), está entre as últimas ações do ministro Ricardo Barros (PP) à frente do Ministério da Saúde. Isso porque, a previsão é que nesta terça-feira ele se desincompatibilize do cargo para concorrer à reeleição a deputado federal. Barros assumiu a pasta em maio de 2016 e, entre as conquistas, aponta o processo de informatização do SUS. 

 

Câmara Federal apaga luzes no sábado em adesão à Hora do Planeta

Hora do planeta
A Câmara dos Deputados participa novamente da campanha Hora do Planeta, um ato simbólico promovido mundialmente pela organização não-governamental ambientalista WWF, com o objetivo de sensibilizar a população em torno da luta contra o aquecimento global. O prédio principal e todos os anexos ficarão às escuras, durante 60 minutos. Apenas as luzes de segurança permanecerão acesas. A mobilização ocorrerá neste sábado (24), entre 20h30 e 21h30, em todo o mundo. Desde 2003, a Casa conta com comitê que busca contribuir com um novo modelo de desenvolvimento ambientalmente adequado.


Frase
"A força do trabalho, o espírito empreendedor e a capacidade de superação deste povo são admiráveis”, governador Beto Richa, durante encontro com a comunidade nipo-brasileira na Associação Cultural Brasil-Japão do Paraná, em Londrina. 

Prevenção à Violência
A Câmara dos Deputados analisa proposta que obriga o governo a elaborar o Plano Nacional de Prevenção à Violência. A medida consta no Projeto de Lei 9322/17, da deputada Yeda Crusius (PSDB-RS). Os objetivos do plano são promover a melhora da qualidade da gestão da segurança pública e contribuir para a organização da rede de segurança pública; assegurar a produção de conhecimento no tema. O Plano terá a duração de dez anos, e as suas diretrizes e temas serão elaborados por meio de conferência nacional.
 

Audiência pública em Palmeira

A primeira etapa dos trabalhos de modernização do Plano Diretor de Palmeira foi concluída e o resultado será apresentado na terça-feira (27) numa audiência pública. O encontro, aberto a toda a população, será às 19 horas, no salão do Colégio Estadual Alberto Gonçalves. Nos últimos meses, a equipe técnica da Prefeitura e a equipe multidisciplinar da empresa de consultoria fizeram um diagnóstico da realidade do município. Foi um trabalho detalhado de levantamento de informações baseado em três leituras: técnica, comunitária e jurídica.

Frase

“Mesmo com a crise econômica, o governo não deixou que um só programa das universidades fosse interrompido", secretário estadual da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, João Carlos Gomes, durante entrega de veículos à UEPG.

Fórum Mundial da Água

O 8º Fórum Mundial da Água é um sucesso de organização e de participação da sociedade, avaliou nesta quinta-feira (22) o senador Jorge Viana (PT-AC), presidente de uma subcomissão especial para acompanhamento do fórum, criada no âmbito da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE). Por meio da subcomissão, o Senado teve participação ativa no evento, que contava cerca de 85 mil visitantes até esta quarta-feira (21). Apesar da avaliação positiva, Jorge Viana lamentou a falta de grandes lideranças mundiais no evento.

Reforma ministerial

A reforma ministerial começará a ser anunciada na primeira semana de abril, de acordo com o ministro-chefe da Secretaria de Governo, Carlos Marun. O governo irá anunciar os nomes que substituirão os ministros que irão se candidatar nas próximas eleições. "O que está desenhado é isso, diálogo com partidos que estão no comando desses ministérios. Estamos pedindo sugestões de nomes, não são indicações, para que o presidente Temer decida aqueles com quem ele deseja contar no governo exercendo as funções do ministro", disse.

 

Foro privilegiado

O novo líder da Rede, deputado João Derly (RS), afirma que a bancada vai defender o arquivamento do projeto que estabelece a nova Lei do Licenciamento Ambiental (PL 3729/04). O deputado também destacou como prioridade a proposta que põe fim ao foro por prerrogativa de função (PEC 333/17). No entanto, o líder tem baixas expectativas sobre a votação de Propostas de Emenda à Constituição (PECs) na Câmara dos Deputados até o fim da intervenção federal na segurança do Rio de Janeiro.