Marketing e Negócios
Métricas de vaidade, dados que inflam egos

 

 

Número de curtidas no Facebook, visualizações de vídeo no YouTube, seguidores no Instagram, na hora de analisar o relatório de Marketing essas métricas são as primeiras as serem visualizadas e também são as que geralmente impressionam diretores e CEOs de grandes empresas. Mas será que esses dados realmente importam?

 

Diversas organizações, independente do tamanho, acreditam estar cumprindo bem essa função quando analisam friamente esses números, porém eles devem ser analisados com muito cuidado e deve-se levar em consideração o objetivo final das campanhas.

De modo geral essas métricas de vaidade mensuram o quanto de audiência a empresa tem, mas por exemplo, não são todos os seguidores da sua página do Facebook que vêem suas publicações, o mesmo serve para outros canais como Twitter, YouTube, entre outros.

Mas então quais dados mensurar no Marketing Digital?

Deve focar em dados que contribuem para vendas e para isso é necessário analisar o funil de vendas da empresa. Com ele pode-se chegar a conclusão do que está de fato gerando mais retorno para a organização.

Cada empresa pode ter um tipo específico de funil, mas no geral ele é formado por 3 itens.

1 - Número de visitantes únicos

 É a quantidade de visitantes do seu site, sem considerar a quantidade de vezes que eles visitaram.

 

2 - Leads ou oportunidades

São os potenciais clientes que chegaram via site, preenchendo algum formulário importante.

 

 

 

3 - Vendas ou clientes conquistados

Quem comprou seu produto, serviço ou assinou alguma mensalidade.

É importante ter audiência, ter números altos nas redes sociais e muitos seguidores para agregar valor a marca, mas se esses números não resultam em vendas não adiantam de nada.

 

 

Curtiu o artigo? Se quiser saber mais sobre métricas e relatórios de Marketing Digital diga um oi, que nós podemos te ajudar!

 

 

Alex W. Lopes, o autor é Mídia da agência de publicidade yard.