Negócios e Oportunidades
Evento gratuito debate a gestão de empresas familiares

A JValério, associada da Fundação Dom Cabral no Paraná, realiza nesta terça-feira (15), em Curitiba, o evento “Como Preservar a Família Empresarial e o Patrimônio: M&A, Gestão e Governança”. Em parceria com o Banco Alfa, o evento traz grandes especialistas no assunto e tem o objetivo de discutir o cenário atual e as etapas de execução de um processo de M&A (Mergers and Acquisitions; no português, fusões e aquisições). Além disso, os empresários participantes vão se atualizar sobre os fatores que levam o vendedor ou comprador à contratação de assessoria financeira nessas operações, com o superintendente do Banco Alfa, Paulo Manna Santos, responsável pela área de Fusões e Aquisições.

O especialista em Tributário Consultivo e M&A, Dr. Bruno Vianna, vai discutir aspectos práticos relevantes do ponto de vista jurídico, due diligence e as principais questões a serem observadas em cada etapa do projeto de M&A. Para completar, o professor da Fundação Dom Cabral, Dalton Sardenberg, falará sobre a Governança, Sucessão e Estruturas de Governança Corporativa em Empresas Familiares, com a apresentação de boas práticas e cases de sucesso de referência no setor. O evento é gratuito.

Desde 2005, a JValério é a representante da Fundação Dom Cabral no Paraná e em Rondônia, realizando programas de desenvolvimento de gestão e educação executiva que favorecem a otimização da atividade empresarial. Sendo uma das principais associadas da FDC no Brasil, a JValério já atendeu mais de 200 companhias e possui mais de 80 empresas ativas que vivenciam processos gradativos de transferência de conhecimento, com o intercâmbio de experiências em todos os níveis gerenciais. Tendo sustentabilidade como tema transversal em todos os projetos, a Fundação Dom Cabral é uma escola de negócios brasileira com mais de 40 anos de atuação em diversos segmentos em vários países e é a melhor escola de negócios da América Latina há 14 anos consecutivos e a 10ª melhor do mundo, segundo o Ranking anual de Educação Executiva do jornal inglês Financial Times.

Em parceria com a Jornalista Ester Athanásio - Fundadora da DePropósito Comunicação de Causas

 

Curtas:

* Curitiba será sede do II Simpósio Paranaense sobre Tributação e Fomento das Instituições de Ciência, Tecnologia, Pesquisa e Inovação, que acontece no dia 18 de outubro, na FIEP. O evento é gratuito e está sendo realizado pela Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação do Paraná (Assespro-PR) em parceria com a Associação Brasileira das Instituições de Pesquisa Tecnológica e Inovação (Abipti) e com a Fundação de Pesquisas Florestais do Paraná (Fupef). O objetivo é debater com dirigentes e colaboradores de ICTs sobre o aperfeiçoamento do ambiente regulatório, com foco na legislação de tributação e de fomento administrativo. Serão discutidas a isenção e a imunidades de tributos e os obstáculos existentes no Sistema Tributário Nacional que, muitas vezes, dificultam o acesso das ICTs a esses benefícios fiscais. Horário: das 8 às 17:30. Local: FIEP, Comendador Franco – Jardim Botânico, Curitiba. Entrada gratuita, inscrições neste link.

* Aberto ao público, Impacta Paraná reúne setor do empreendedorismo social no Palácio Iguaçu. Pela primeira vez, Governo do Estado abre as portas para ouvir o setor da Inovação social. O evento é realizado em parceria com Instituto Legado e está com inscrições abertas. Na próxima quarta-feira, 16 de outubro, o Palácio do Iguaçu abre as portas para o empreendedorismo social. Em parceria, Instituto Legado e Governo do Estado realizam o Impacta Paraná – Inovação Social em Movimento, um evento gratuito criado para debater, inspirar e fortalecer o ecossistema de inovação em impacto socioambiental de Curitiba e do Paraná.

 

Frase

"Adiar alguma coisa difícil a transforma em impossível" (George Horace Lorimer-Jornalista norte-americano)

Hamilton Fonseca|Seleção de Executivos|Fusões & Aquisições|[email protected]

 

Empresas brasileiras migram para o Paraguai em busca de competitividade

Poucas condições de desenvolvimento ao empreendedor, como os altos impostos e até mesmo ao trabalhador, instigam a indústria brasileira a buscar saídas estratégicas - o Paraguai é uma delas. Com a proposta de gerar mais emprego no país, o Paraguai tem se mostrado extremamente atrativo desde a implantação da Lei de Maquila – que prevê isenção de impostos para empresas estrangeiras que produzirem lá e exportarem seus produtos. Com tributação única de 1% ao ano sobre o faturamento, além de alta redução nos custos da energia elétrica e mão de obra e uma taxa de câmbio estabilizada, o país vizinho chama atenção especialmente de empresas sediadas no Paraná com vistas ao mercado internacional.

Planos a abertura de uma unidade de produção no país vizinho

É o caso da K1 – detentora da IKA, tradicional marca Curitibana de malas. Já estava nos planos a abertura de uma unidade de produção no país vizinho, o que está em processo de desenvolvimento desde o início de 2019. Mas, não bastasse firmar parceria com importante cliente da zona franca Paraguaia, a imponente CellShop, a K1 possui desde 2012 um expressivo aliado: a China. Na última década as empresas devidamente licenciadas pela K1 começaram a comercializar produtos advindos do gigante asiático para redução de custos e acabou ganhando destaque em tecnologia.

High Tech

O acesso facilitado e abrangente à informação instiga a oportunidade globalizada. Percebendo a imersão do brasileiro no mundo cada vez mais conectado e com vistas a potencializar a produção de acessórios de viagem a K1, com ênfase na marca IKA, vislumbrou o sucesso de um produto de alta tecnologia e flexibilidade. Além do estilo, aspectos funcionais e ergonômicos e até materiais tornam a marca diferenciada das demais gerando competitividade entre empresas que buscam inovação. Surge então a coleção Flex de malas em ABS especial e de formulação altamente sigilosa que permite absorção de alto impacto sem danificar o produto. “O empreendedor precisa buscar condições suficientes para desenvolvimento e até manutenção de sua produção, vendas e conseqüentemente lucros de sua empresa, o que nos leva à China. No caso da K1 o ABS flexível é um alto diferencial da marca, o que gera uma maior resistência do produto – raridade nos tempos atuais”, explica Leon Knopfholz, diretor de marketing da K1.

Brasil já é um mercado expressivo e ainda tem muito potencial para crescer

Para Sean Sun, licenciado da marca IKA na China, há uma dualidade na parceria, ainda que o país oriental seja potência consolidada. “Há anos o Brasil já é um mercado expressivo e ainda tem muito potencial para crescer não apenas em aspectos quantitativos, mas também em características qualitativas e conceituais. Nesse cenário, acho que é um fator competitivo respeitável trabalhar com uma marca tradicional e muito conhecida que serve não apenas para obter resultados dentro do país, mas também funciona como trampolim para outros mercados”.

Europa à vista

A convergência entre Brasil e China por meio da tecnologia implementada à marca IKA resultou não apenas em uma vantagem competitiva no Brasil, mas também em acesso ao mercado Europeu. A coleção Flex foi escolhida para integrar o mix de produtos da icônica cadeia espanhola de lojas de departamento El Corte Inglés. Com faturamento médio de mais de 15 bilhões de euros ao ano e 93 mil funcionários, a rede que surgiu em 1910 e possui mais de cem lojas em toda a Espanha e mais duas unidades em Portugal.  “Estamos vivendo uma era de abundância da globalização e um dos aspectos positivos disso é que as empresas podem se ajudar reciprocamente e aumentar sua produtividade e alcance”, explica Sean em relação as produções da marca IKA na China para El Corte Inglés.

As estratégias da marca tenderam para uma evolução significativa

Tendo em conta todos os aspectos em parceria com a China, Knopfholz vê com clareza o quanto as estratégias da marca tenderam para uma evolução significativa: “O que existe hoje é no mínimo uma perspectiva de crescimento começando por um cliente que é referência a nível mundial. Já existe prospecção em outros países na Europa Oriental, América do Sul, Oriente Médio e América Norte, mas o que nos motiva agora é o fato de sermos paradoxalmente instigados a buscar terrenos mais férteis, apesar de todo o potencial que o Brasil ainda possui”.

Em parceria com a Jornalista Silvia Valim | [email protected]

 

Curtas:

*Registro de ponto por exceção: adotar ou não adotar, eis a questão.
Em 2018, a segunda maior causa de ações no TST foi por motivo de horas extras calculadas de forma incorreta. Como se adequar à lei da Liberdade Econômica sem prejudicar a empresa e o colaborador? O Controle de Ponto por Exceção entrou em vigor na última semana, anexada à Lei da Liberdade Econômica, 13.874, que estabelece garantias para o livre mercado. O principal objetivo da lei sancionada é a desburocratização das atividades econômicas do Brasil, além de ser um facilitador para quem deseja empreender. A nova lei desobriga o registro de ponto para empresas com até 20 funcionários. Antes essa liberação era para empresas até 10. E passa a liberar o uso de ponto por exceção para empresas de qualquer porte, desde que em decisão conjunta com os colaboradores - ambas regras descritas no artigo 74 da lei.

*Do interior do Paraná, instituição referência em EAD é destaque no maior evento de marketing educacional do Brasil. A Educação a Distância (EAD) está em ascensão. Segundo dados do Ministério da Educação (MEC) e do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), divulgados na semana passada no Censo do Ensino Superior, pela primeira vez, o número de vagas ofertadas pela EAD superou o número de oportunidades em cursos presenciais. Em 2018, foram 7.170.567 vagas a distância, contra 6.358.534 vagas presenciais. Mas como vencer a concorrência e atrair, cada vez mais, este público? A explicação e os diferencias de uma instituição que matriculou 92 mil alunos em um único processo seletivo foram tema da palestra “BIG Numbers da Unicesumar EAD”, do diretor executivo de Marketing da EAD Unicesumar, Tiago Stachon, no SADEBR – maior evento de marketing educacional do Brasil.

 

Frase:

“O senso comum nada mais é do que um depósito de preconceitos que se assentam na mente antes de você alcançar 18 anos”.  (Einstein)

 

Hamilton Fonseca|Headhunter|Fusões& Aquisições|[email protected]

 

Feira de empreendedorismo estimula novas oportunidades de negócio entre estudantes

A ideia de empreender está cada vez mais presente entre os jovens: de acordo com o relatório Global Entrepreneurship Monitor (GEM) 2017, realizado anualmente pelo Sebrae, a parcela da população entre 18 e 34 anos representava 57% dos empreendedores em fase inicial.

Alunos do 2º e 3º ano do Ensino Médio Técnico em Administração com formação empreendedora

No Brasil essa representatividade tende a crescer ainda mais: com os novos eixos do Ensino Médio incentivando conhecimentos voltados à formação empreendedora os estudantes poderão, agora, aperfeiçoar-se para chegarem mais preparados no mercado de trabalho. Pensando no aprimoramento profissional de seus estudantes, o TECPUC investe há seis anos no projeto “Feira de Empreendedorismo”, com alunos do 2º e 3º ano do Ensino Médio Técnico em Administração. Com o objetivo de estimular criatividade e inovação, a iniciativa desenvolve as competências e habilidades fundamentais para um empreendedor.

Aprendem sobre o ciclo produtivo de um produto ou serviço

“A experiência proporcionada aprimora o espírito empreendedor, gerando mudanças significativas no comportamento dos estudantes envolvidos. Em um ambiente escolar, eles são capazes de aplicar e abordar todo o ciclo produtivo de um produto ou serviço”, afirma Solan Valente, coordenador educacional do TECPUC.

Análise de mercado e plano de negócios

A preparação para a Feira de Empreendedorismo TECPUC acontece ao longo dos três primeiros bimestres. O processo tem início com a divisão dos grupos e a realização de uma análise de mercado. A partir disso, é feita a definição da empresa e dos produtos que serão comercializados por meio da criação de um Plano de Negócios.

 

Curtas:

*Startup de logística abre vagas com salários até R$ 8 mil
De vendas ao financeiro, Fretefy busca profissionais em Curitiba (PR) e (SP). Empresa de tecnologia para logística, Fretefy, abre novas vagas para contratação. Após anunciar 15 vagas em julho e agosto, a startup curitibana segue contratando e busca melhorar seu time de vendas, prospecção, financeiro e marketing. As contratações fazem parte do programa de expansão da empresa que atua na gestão eficiente de logística para indústrias e transportadoras.“Queremos dobrar o número de colaboradores até fim do ano. Também estamos abrindo mercado fortemente no estado de São Paulo. Estamos investindo em inovação para o setor de transporte de cargas como ainda não foi visto no Brasil e um timo forte, engajado faz toda a diferença no nosso tipo de negócio”, comenta Gilmar Pertile, CEO do Fretefy. Para aplicar às vagas basta enviar um email para [email protected] com nome da vaga e CV. Acesse: www.fretefy.com.br

 

Frase:

“Não se gerencia o que não se mede, não se mede o que não se define, não se define o que não se entende, e não há sucesso no que não se gerencia” (William Edwards Deming)

 

Hamilton Fonseca|Seleção de Executivos|Fusões& Aquisições|[email protected]

 

Empreendedor aposta em distribuidora e boutique de carnes nobres e exóticas

Carnes com acompanhamentos de alta qualidade para o seu churrasco ficar mais incrível, além de produtos de varejo e condições especiais para venda no atacado, sendo um parceiro da empresa. Com esta filosofia o empreendedor natural de Foz de Iguaçu, Edson Greff, criou junto à sua família a Espetinhos Curitiba para fazer a diferença na praticidade do churrasco. Conversamos com Edson Greff e conhecemos a sua história de sucesso.

Como e quando surgiu o negócio?

A ideia surgiu no ano de 2015; após provar os espetinhos na casa de um amigo em Foz do Iguaçu, fiquei impressionado com a qualidade, nunca tinha visto nada parecido. Quando procurei em Curitiba não havia nada parecido com a qualidade, decorrente disso nasceu a nossa empresa.

O que diferencia a distribuidora de Espetinhos prontos e temperados dos demais concorrentes?

Nossos espetinhos são elaborados com matérias-primas selecionadas. Os produtos comercializados pelas lojas e, além de saborosos, são produzidos de maneira artesanal. As fábricas contam com certificação do PAS - Programa Alimento Seguro, a produção tem acompanhamento nutricional e todos os selos de fiscalização, que asseguram a alta qualidade do que é oferecido aos consumidores.

E a escolha dos fornecedores e parceiros?

Após pesquisa de mercado nacional, fechamos parcerias com as três maiores fábricas do segmento. Nossos fornecedores são líderes no mercado nacional de espetinhos e contam com mais de 50 anos de experiência. Seja um parceiro dos Espetinhos Curitiba e aproveite condições imperdíveis.

Como funcionam as vendas para atacado e varejo?

Além de produtos de varejo, temos condições e tabelas de preços especiais para venda no atacado (comércio em geral, como restaurantes, lanchonetes, hamburguerias, espetarias, festa, evento, assados ambulantes, etc.). Ser um parceiro nosso significa ter em suas mãos um produto de excelente qualidade e de alta aceitação

Como foi a escolha pelo bairro Água Verde, o local com maior adensamento demográfico de Curitiba?

O bairro Água Verde tem muito em comum com nossos produtos, pois é bairro que mescla praticidade e tradição, além de ser uma ótima referência em índices essenciais de qualidade de vida. Além de ser dinâmico, estar em expansão e cada vez mais valorizado.

Onde estão localizados e qual estrutura?

Com uma estrutura de instalações em sede própria de 600 m², a empresa apresenta o que há de mais moderno para o recebimento, acondicionamento e venda de produtos perecíveis. São toneladas de produtos comercializados mensalmente. Av. dos Estados 721, Água Verde (41) 99266-6635 ou 98896-7374. Rua Carlos Laet, 5332 Boqueirão -(41) 3086-0116

 

Curtas

*Um dos principais rankings universitários internacionais, o Times HigherEducation (THE) divulgou recentemente a lista das melhores universidades do mundo. Além de estar dentre as 46 instituições brasileiras citadas no levantamento, a Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR) foi a única universidade privada do Paraná classificada no ranking – a instituição ocupa a 13ª posição em nível nacional e se destaca principalmente nos indicadores “internacionalização”, “citações” e “relacionamento com a indústria”.

 

Frase

“Se, a princípio, a ideia não é absurda, então não há esperança para ela” (Einstein).

 

Hamilton Fonseca | Headhunter | Fusões e Aquisições |  [email protected]amiltonfonseca.com.br

Empresários apostam no segmento de pisos térmicos e aquecem os negócios

Conhecido também por piso térmico ou radiante, o piso aquecido tem se tornado tema recorrente nos meses de inverno. Antes tido como artigo de luxo, o piso aquecido acabou por encontrar seu caminho em vários lares brasileiros. Compatível com todos os pisos e revestimentos, o piso aquecido se tornou um poderoso aliado no combate ao frio e ao mofo, trazendo ao ambiente a forma mais confortável de se aquecer um ambiente. Conversamos com o Engenheiro Mecânico Cezar Anderle para trazer algumas informações bastante pertinentes.

O que é piso aquecido?

O piso aquecido é um sistema de aquecimento de ambientes, cujos componentes são instalados sob o revestimento, cobertos com o contrapiso ou com a própria argamassa de assentamento. Sua principal característica é aquecer o ambiente de maneira uniforme e, no caso de alguns pisos, aquecê-los, também. Todo o sistema é controlado por um termostato, presente na parede.

Quais são as principais características?

O piso aquecido é um sistema de aquecimento inteligente, cuja curva de aquecimento é a mais próxima da ideal. Como na região dos pés sentimos mais frio, a temperatura mais alta está nos pés, exatamente como deve ser. Além disso, como o sistema não queima o oxigênio e não resseca o ar, o ar presente no ambiente se torna muito mais agradável, excelente para todos, principalmente para quem sofre com doenças respiratórias.

Quais são os tipos de piso aquecido?

Os tipos de piso aquecido podem ser divididos em um quadrante, do lado esquerdo os sistemas hidrônicos (água quente) e do lado direito os elétricos. No patamar inferior, encontramos os sistemas mais tradicionais, chamados de acumuladores, pois são cobertos com uma camada espessa de regularização (contrapiso). Ganham esse nome porque o contrapiso se torna uma reserva de calor (acumulando). Sua principal vantagem é para ambientes comerciais ou construtores, uma vez que o piso pode ser substituído a qualquer momento.

E a segurança?

Quando o tema é eletricidade, todo cuidado é pouco. Ainda é possível encontrar no mercado sistemas sem aterramento ou aterramentos feitos por telas metálicas (popularmente conhecidas como telas pinteiro). Um sistema seguro deve ter o aterramento como parte integrante do cabo (passando por dentro).

A Vesta oferece uma gama de termostatos (inclusive com controle por aplicativo) e um departamento de engenharia que pode avaliar projeto a projeto, qual o consumo de energia. http://www.vestapisoaquecido.com.br CREA PR-134223/D

 

Curtas

* Poletto&Possamai lançam Programa Trainee 2020. O Programa Trainee P&P 2020 está com inscrições abertas para acadêmicos de Direito. Graduandos com previsão de conclusão do curso entre dezembro de 2020 a dezembro de 2021 podem se inscrever enviando currículo ao e-mail: [email protected] O hotsite http://poletto.adv.br/trainee/ apresenta informações detalhadas sobre o processo de seleção, início e duração do programa.

*PUCPR abre inscrições para Vestibular de Verão 2020.C onsiderada uma das melhores universidades do Brasil e do mundo, de acordo com o Center for World University Rankings (CWUR) 2020, a PUCPR está com inscrições abertas para o Vestibular de Verão 2020. Com mais de 60 cursos nas modalidades presencial, EAD e semipresencial, os candidatos podem se inscrever até às 15h do dia 11 de outubro. As provas acontecem no dia 19 de outubro, das 13h às 17h, nas cidades de Curitiba, Londrina, Maringá e Toledo. O ensalamento pode ser consultado a partir das 18h do dia 17 de outubro, no site da PUCPR.

 

Frase

“Pessoas sábias falam sobre ideias;Pessoas comuns falam sobre coisas;Pessoas medíocres falam sobre pessoas”(Platão)

 

Hamilton Fonseca|Headhunter|Fusões& Aquisições|[email protected]

 

 

Possibilidades educomunicativas são discutidas em novo curso da PUCPR

Buscando incentivar a discussão e a colaboração entre comunicação e educação, a Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR) oferece o curso “Diálogos entre Comunicação e Educação: Vivências e possibilidades educomunicativas”. Com duração de 30 horas, o curso se apresenta como uma oportunidade de formação e aprendizagem para os interessados em conhecer ou atuar com Educomunicação.

Novo campo teórico

Destinado a estudantes, pesquisadores e profissionais de qualquer área do conhecimento, atuantes ou interessados nas áreas de Comunicação, Educação e Educomunicação, o curso tem como objetivo proporcionar a compreensão sobre os conceitos e as perspectivas teóricas e práticas fundamentais sobre comunicação e educação, além de articular as possibilidades oferecidas pela vertente comunitária e as suas áreas de atuação, desenvolvendo o próprio perfil educomunicativo.

Formação educomunicativa

Como parte da formação, os estudantes terão a oportunidade de desenvolver o processo de concepção e planejamento de projetos educomunicativos a partir dos conhecimentos construídos ao longo do curso. A coordenadora do curso, professora Suyanne Tolentino de Souza, destaca que o conteúdo é voltado para pessoas com interesse em aprender ou atuar em Comunicação, Educação e Educomunicação, independentemente da sua área de formação. “O curso é destinado a estudantes, profissionais e pesquisadores de qualquer área do conhecimento, atuantes ou interessados nas áreas”, afirma.

Diálogo e interface

O curso foi planejado para que os profissionais possam compreender os conceitos e as perspectivas teórico-práticas fundamentais sobre comunicação e educação, além de assimilar o conceito de ecossistemas educomunicativos e as características de projetos que promovam esta interface. Durante as aulas, ainda será possível desenvolver o processo de concepção e planejamento de projetos educomunicativos e ressignificar vivências, experiências e conhecimentos a respeito da Educomunicação.

Semipresencial

Ministrado em modalidade semipresencial, o curso de extensão tem duração de 30 horas, que compreendem quatro encontros presenciais, além de atividades com carga horária online. As aulas presenciais acontecem no Campus Curitiba da PUCPR. As inscrições podem ser feitas pelo site da universidade.

 

Curtas

* O futuro gestor ou empreendedor deverá estar preparado para ser competitivo, acompanhar continuamente as inovações, mudanças, concorrência acirrada, superar metas de vendas e com uma nova visão e ação contínua fazer as coisas realmente darem certo. Está saindo do mercado aquele gerente basicamente treinado por algumas empresas somente para “ouvir, gravar e tentar fazer” e surgindo um mais criativo, aberto aos riscos, comprometido e focado em formar equipes vencedoras. Um líder capaz de pensar, sentir emoções, resolver conflitos, agir e decidir imediatamente “fora da caixa” mesmo, que sob pressão o tempo todo. Informações Prof. Osmar Coutinho 4199995-2061

*Livro: “Motivação 3.0 – Os Novos Fatores Motivacionais que Buscam Tanto a Realização Pessoal quanto Profissional”. Autor: Daniel Pink. Editora: Campus. Para quem está desmotivado e busca uma fonte de inspiração renovadora, este é um dos livros sobre motivação no trabalho que pode ajudar bastante. De acordo com o autor, a Motivação 3.0 inclui três elementos: Autonomia – a capacidade de administrar e resolver tarefas de trabalho e questões pessoais. Excelência – vontade de se superar diariamente e evoluir como profissional. Propósito – trabalhar com metas e objetivos.

 

Frase:

“O que não provoca minha morte faz com que eu fique mais forte” (Friedrich Nietzsche)

 

Hamilton Fonseca|Headhunter|Fusões& Aquisições|[email protected]

 

 

 

Marketing 5.0 para alavancar a carreira e o negócio próprio

Saber claramente onde se quer estar daqui a dez anos e o quanto se quer ganhar por mês e por ano; conhecer o mercado, as oportunidades a serem aproveitadas e as ameaças das quais se defender; reconhecer suas habilidades a serem potencializadas e fraquezas a serem corrigidas imediatamente; se diferenciar no mercado para não ser igual a todo mundo (e fugir do “efeito manada”); saber se comunicar com o mercado, por meio de redes sociais e do mundo digital (afinal, não adianta ser o melhor profissional,mas ser desconhecido); agir e ter atitude. Esses são alguns requisitos básicos para quem busca impulsionar a carreira ou o negócio.

Reflexões sobre a carreira, mercado e negócios

Tais reflexões serão abordadas no curso “Marketing pessoal 5.0 vai alavancar sua carreira e negócios”, promovido pela Câmara de Comércio e Indústria Brasil-Alemanha (AHK Paraná). O workshop foi conduzido pelo empresário, professor da Fundação Getúlio Vargas e palestrante com atuação nas áreas de motivação, carreira, vida e negócio, Alexander Baer, que trouxe algumas estratégias para os profissionais que almejamreconhecimento de mercadoemaior visibilidade para sua marca e seu negócio.

Inovar, saber comunicar para gerar notoriedade

“Quem quer se destacar frente à concorrência precisa se diferenciar; inovar sempre, levando experiência e soluções aos seus clientes; se comunicar a fim de gerar notoriedade e autoridade, tornando-se assim referência no mercado”, completa o palestrante, que é fundador da 1ª Escola de Marketing Pessoal do Brasil e do Programa Concertos Empresarial.

Ações a curto, médio e longo prazo para empreendedores

Esse workshop é uma excelente oportunidade para aqueles que buscam transformar o negócio, dar um novo rumo à carreira e à vida e para isso querem traçar um plano de ação a curto, médio e longo prazo. Para mais informações e inscrições: (41) 3323-5958 ou pelo e-mail [email protected]

 

Curtas

* Atleta da PUCPR conquista medalha de bronze nos jogos Parapan-americanos 2019. A atleta Tisbe de Souza Andrade Silva, da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), subiu ao pódio dos jogos Parapan-americanos 2019. Tisbe recebeu a medalha de bronze na prova da paranatação - categoria S5, 50m costas. “Estou muito feliz. Ter sido convocada para representar o Brasil já foi um grande reconhecimento, mas levar essa medalha é a realização de um sonho”, revela Tisbe. A atleta de 21 anos faz parte da equipe da Universidade desde 2010.

 

* Startup lança Tecnofit 360, único sistema de gestão do segmento fitness que conecta a gestão financeira do negócio com uma conta digital. Plataforma inova mais uma vez com solução completa administrativa e financeira para o gestor. Três anos depois de trazer soluções em gestão para todas as modalidades do universo fitness, a Tecnofit inova mais uma vez. A startup lança em dois dos principais eventos fitness - a IHRSA Fitness Brasil, maior feira da América Latina do segmento, e a Life Fitness Experience - o Tecnofit 360. http://www.tecnofit.com.br.

 

Frase:

“A maior aventura de um ser humano é viajar. E a maior viagem que alguém pode empreender é para dentro de si mesmo” (Augusto Cury)

 

Hamilton Fonseca|Headhunter|Fusões& Aquisições|[email protected]

 

Workshop ensina jovens a identificar e combater fake news

Iniciativa realizada pela DePropósito Comunicação de Causas é um dos dez projetos brasileiros selecionados e apoiados pelo Pacto pela Democracia. O impacto que as notícias falsas geram na democracia será tema de um workshop com jovens estudantes de Curitiba e Região Metropolitana. De iniciativa de jornalistas da DePropósito Comunicação de Causas, a atividade foi eleita entre 211 propostas brasileiras para compor o conjunto de 10 Diálogos Democráticos que serão realizados pelo Brasil.

Projeto Democracia de Verdade

O Pacto pela Democracia elegeu o projeto “Democracia de Verdade: deletando as fake news” como uma das duas iniciativas apoiadas no sul do país. O objetivo é educar jovens de ensino médio e futuros eleitores para reflexão sobre o tema e orientação para cidadania, já que as chamadas fake news possuem 70% a mais de chance de “viralização” do que as notícias verdadeiras e o Brasil é o país que mais acredita em conteúdo informativo falso no mundo: 62% dos brasileiros confiam em informações inverídicas.

A oficina visa enriquecer o debate sobre pluralidade e diversidade

A oficina foi realizada na Elo Apoio Social e Ambiental como parte das comemorações pelo Dia da Juventude no dia 14 de agosto passado. Cerca de 60 jovens de até 18 anos serão beneficiados, incluindo 40 aprendizes do ONG Elo, 12 adolescentes que cumprem medidas socioeducativas e 10 alunos de escolas particulares. Segundo a jornalista fundadora da DePropósito, Ester Athanásio, o objetivo é enriquecer o debate com mais pluralidade e diversidade de público. “Acreditamos que a troca de experiências entre esses jovens de realidade distinta é fator determinante para eficiência da dinâmica que estamos propondo, assim como a diversidade de opiniões é fundamental para saúde do ambiente democrático”, comenta. A escolha pela faixa etária também é proposital.

Entender como uma notícia falsa é construída e divulgada

Durante o workshop, os participantes debatem o impacto das fake news na política e entendem como uma notícia falsa é construída e divulgada. Os jovens também têm a oportunidade de ouvir especialistas de diferentes áreas. O Doutor em Educação e professor de História Daniel Medeiros dá exemplos de fatos históricos que foram alterados em razão da circulação de notícias falsas, enquanto a Mestre em Direitos Humanos e fundadora do Instituto Aurora, Michele Bravos, discute como essas notícias afetam a garantia de direitos. Com experiência na administração pública, a Mestre em Políticas Públicas Natalie Unterstell comenta o prejuízo que a gestão pública sofre a partir da circulação de informações inverídicas e o jornalista Rogério Galindo, fundador do Plural, ressalta a importância da liberdade de imprensa e da cobertura das eleições sem fake news. A iniciativa conta com o apoio do Instituto Aurora e Elo Apoio Social e Ambiental e oferece certificado de quatro horas de formação.

Mais informações: depropositocomunica.com

 

Curtas:

* Tecnologia reduz em 50% o tempo operacional do RH .Registro de ponto digital da Pontomais permite que o fechamento de folha seja feito em apenas um dia. Um recente estudo realizado pela FGV (Fundação Getúlio Vargas) mostrou que para cada um 1% de investimento na área tecnológica obtém-se 7% de aumento na lucratividade da empresa a médio prazo. Diante disso, a Pontomais, empresa líder em tecnologia de RH inova ao trazer soluções digitais para departamentos de RH, diminuindo a burocracia e dando mais tempo para que o RH seja um espaço para gestão de pessoas. Mais informações: https://pontomais.com.br

* Procura-se Químico/a Especialista no desenvolvimento de fragrâncias para multinacional em fase de instalação no Paraná. Vivência no segmento e com treinamento em casas de fragrâncias, além do domínio do idioma inglês para conversação e disponibilidade para viagens internacionais: 41-99123-7933

 

Frase:

“Estilo é algo que não se compra; ou você tem ou não tem” (Autor desconhecido).

 

Hamilton Fonseca|Seleção de Executivos|Fusões & Aquisições|[email protected]

Geração Millennial propõe mudar a forma de consumo

A geração Millennial, formada por pessoas nascidas após 1982, mudou a forma de consumo e, desta forma, está obrigando as empresas a se reinventarem. Ao valorizar menos a posse e mais a experiência, essa geração consome de maneira mais radical e é menos fiel às marcas.

Consumo sustentável

Mais experiência e menos posse: esse é o lema da geração Millennial, formada em uma época de grande evolução tecnológica e facilidades materiais. Com espírito jovem e em constante mudança, uma das características dessa galera é a exigência e a falta de interesse por modelos mais tradicionais. Portanto, como é possível fazer esse público - que consome de maneira mais radical - se interessar verdadeiramente por uma marca ou produto?

Pouca fidelidade dedicada às marcas

Uma das principais particularidades dos Millennials, conhecidos também como Geração Y, é a pouca fidelidade dedicada às marcas, justamente pela intenção de viver de maneira mais profunda a experiência oferecida em cada produto. Além disso, essa geração consome informação em tempo real, geralmente na tela de seu smartphone. “Os principais conceitos que definem esse contexto são agilidade, conectividade em tempo real e interação digital. Por conta disso, suas fontes de informação estão quase 100% nas plataformas digitais como portais de notícias, redes sociais digitais e blogs”, explica Gabriela Mateos, sócia-diretora da Agência Polvo.

Modelos tradicionais estão totalmente descartados

Como agilidade e experiência são as regras dos Millennials, modelos tradicionais estão totalmente descartados se a intenção for chamar a atenção e fidelizar esse público. “Uma marca que pretende chamar a atenção precisa estar antenada em todos esses insights e mergulhar fundo para entender esses comportamentos. Também chamados de “geração do livre-arbítrio”, os Millennials são atraídos por marcas e empresas com estratégias ágeis e entregas personalizadas”, pontua Gabriela.

Publicidade que mostra valores considerados ultrapassados

De acordo com a diretora, o que mais tem dado certo na publicidade voltada a esse público são anúncios que trazem uma experiência mais humana, que una o mundo online e o offline. “Campanhas que tratam de questões como sustentabilidade, diversidade, saúde e consumo consciente têm sido assertivas para os Millennials. Por outro lado, a publicidade que mostra valores considerados ultrapassados ou retrógrados, como comportamentos engessados ou que enaltecem apenas um caminho possível para o sucesso, não funcionam”.

 

Curtas

*Conversarte reuniu Nelson Motta, Gringo Cardia e Guilherme Kastrup para bate-papo sobre música no Pátio Batel. O poder da música e suas relações com outros campos culturais, como poesia, cinema e artes plásticas, permearam o bate-papo do terceiro encontro do II Conversarte, que recebeu como convidados Nelson Motta, Gringo Cardia e Guilherme Kastrup. Realizado pela Montenegro Produções Culturais e pelo Ministério da Cidadania, o evento aconteceu dia 6 de agosto no Pátio Batel, com a mediação de Bruna Covacci.

 

*Empresa de eventos culturais e gastronômicos busca executivo/a de marketing e vendas de eventos gastronômicos sob encomenda na casa do cliente ou em locais pré-determinados. Vivência comercial em cargos comerciais na área de eventos em restaurantes e centros gastronômicos. Mais informações: 41-99123-7933.

 

Frase:

"Contrate caráter, treine habilidades" (Peter Schultz)

Hamilton Fonseca|Seleção de Executivos|Fusões& Aquisições

 

Pedagoga e empreendedora cria espaço lúdico para eventos infantis

Visão e determinação foi o que moveu uma pedagoga, professora e mãe de dois filhos a empreender. Juliana Nogueira Leidens enxergou no mercado de festas infantis a falta do algo a mais, uma necessidade presente na maioria dos endereços locados para a realização de festas infantis: a interatividade, a brincadeira que aproxima e faz amigos. Juliana foi buscar a inspiração na educação, na proatividade, na proposta de interagir com quem é realmente dono da festa: a criança. Claro, sem esquecer dos pais, tios, tias, primos, irmãs, irmãos e, com certeza, os amiguinhos. "Como mãe e professora, sempre achei que uma festa para criança precisa ter atividade lúdica, interação e sobretudo, algo que desperte o interesse e venha de encontro à formação da criança, que contribua com a sociabilidade", conta ela. Essa inquietação ficou ainda mais forte depois que nasceram seus dois filhos, Pedro e Sofia. Juliana e Ronaldo, marido e parceiro, resolveram empreender. Juntos criaram a Bijujuka Festas, uma casa de festas que faz festa para criança, de verdade. É Juliana quem conta mais detalhes, a seguir.

O que diferencia a Bijujuka enquanto empreendimento?

Basicamente oferecemos atividades específicas para as crianças, como oficinas de cupcake, slime, dobraduras, escultura em balões, entre outras atividades em grupo, e, mais do que tudo, interatividade, integração, convivência. Em todas as festas infantis contamos com profissionais dedicados que propõem atividades e acompanham as crianças em todos os momentos, das brincadeiras a hora do lanche. Claro, não esquecemos dos adultos, que durante as festas eles podem tranquilamente conviver com seus convidados sabendo que suas crianças estão sendo bem cuidadas.

O que levou a pedagoga a ser empreendedora?

Uma coisa não anula a outra. Minha formação trouxe o entendimento de que é preciso envolvimento para educar. E educar é mais do que ensinar. É promover conhecimento através do brincar. É promover socialização e interatividade através da convivência. Então, trouxemos para a Bijujuka Festas essa visão de sim fazer uma festa de aniversário, uma comemoração, para crianças ou não, mas junto com a festa, dar a oportunidade das pessoas e das crianças, principalmente, deixarem um pouco de lado os celulares, as redes sociais, e se darem a chance de conviver, de brincar, socializar. Para saber mais sobre a Bijujuka Festas ou agendar uma visita, acesse bijujuka.com.br ou facebook.com\bijujukafestas. As imagens da casa também estão no instagram (@bijujuka).

 

Curtas:

 * Bom Dia RH do mês de agosto discutirá como a gestão cultura corporativa pode trazer resultados. Palestra será ministrada por Caio Brisolla, renomado consultor com 16 anos de experiência em projetos de gestão de cultura organizacional. No dia 6 de agosto (terça-feira) será realizado o Bom Dia RH, que na ocasião discutirá “Como medir e gerenciar a cultura corporativa para gerar resultados”. O evento, que contará com a palestra do consultor Caio Brisolla, abordará temas relacionados à cultura corporativa. O Bom Dia RH acontecerá das 7h30 às 10h30 no Bourbon Curitiba Hotel (Rua. Cândido Lopes, 102 - Curitiba/PR).

* Com 15 anos de experiência no segmento de colchões, a AD representa as melhores marcas da região Sul. Além do atendimento que faz o diferencial, o empreendedor e fundador da empresa Ademar cuida pessoalmente para que você faça o melhor negócio.Tecnologia a serviço do conforto para o melhor repouso. Nova loja na rua João Falarz, 978 no bairro Orleans- 41 3078-7161 [email protected] g.page/adcolchoes.

 

“Livre-se dos bajuladores! Mantenha perto pessoas que te avisem quando você erra” (Barack Obama)

 

Hamilton Fonseca|Seleção de Executivos|Fusões & Aquisições|[email protected]