Negócios e Oportunidades
Empresários do show business lançam novo nightclub em parceria com o Rayon

As noites de Curitiba ganham mais uma opção de entretenimento. OGrand Hotel Rayon abre ao público a RW Club, uma experiência premium para quem busca diversão. Mesclando boa música, os melhores drinks e um ambiente sofisticado, a novidade pretende resgatar as grandes noites da capital paranaense. A empreitada, que tem à frente os empresários Riad Omairi, Douglas Borcath, Mário Petrelli, Aluche Omairi, Marco Garcia e Gino Fontes, além de Marilis Borcath Faggiani, diretora executiva do Rayon, promete se tornar referência na vida noturna da cidade. Na entrevista abaixo, Riad Omairi nos conta um pouco mais sobre a nova balada de Curitiba.

 

Por que abrir uma balada dentro de um hotel?

Curitiba está carente de boas opções de entretenimento. Por isso, desenvolvemos um projeto que reúne o melhor da vida noturna da cidade em um hotel cinco estrelas. Percebemos um espaço na noite e desenhamos um projeto especial, uma casa para celebrar a vida e os bons momentos.

 

Qual sua trajetória na noite curitibana?

Estou há mais de 25 anos nesta área e fui responsável pela produção de grandes festas, como a KokumKaya, e também por assinar a concepção e administração de casa noturnas que marcaram a vida noturna da cidade, como a Rave, o Shiva, a Muzik e o EonClub.

 

Qual o diferencial da RW Club?

Além da música de qualidade e do atendimento de excelência, na RW o público vai poder usufruir de dois bares completos, com drinks clássicos e bebidas exclusivas. Com capacidade para 425 pessoas, o nightclub ainda conta com cinco camarotes. Trazendo o melhor da house music - e grandes DJs do cenário nacional e internacional - a RW Clubvai funcionar todos os sábados, a partir das 23h. A casa abre uma sexta-feira por mês com festas diferenciadas e ainda pode ser reservada para eventos privados.

 

Como é o ambiente da RW?

Com décor moderno e sofisticado assinado pelo arquiteto Eduardo Mourão, a RW Club conta com um soundsystem de última geração e ambientes cosmopolitas e contemporâneos. Outro destaque é a iluminação, com painéis de LED da Lod Systems byLonadi, que revestem todo o ambiente, das paredes ao teto com uma programação visual exclusiva e marcante.

 

Quando será a inauguração?

A inauguração aconteceu no dia 13 de julho, sábado, e foi embalada pelo som dos DJs Cancci, M. Petrelli e Ab&Hami.

 

 

Curtas:

*Novo Batel recebeu curso sobre investimentos financeiros para pais e filhos, no Teatro João Luiz Fiani, do Shopping Novo Batel, em Curitiba, com o curso “Filhos ricos e felizes”, patrocinado pelo Instituto para Otimização da Aprendizagem – Inodap, ministrado por Marcos Meier, especialista em educação financeira, e Rafael Zannin, formado em relações internacionais. O curso apresenta conteúdo simples, direto e didático temas relacionados a diversas alternativas de investimento correto e comportamento financeiro saudável.

 

* NeoconnectionTech no Teatro Positivo. Para proporcionar uma imersão e estimular a reflexão sobre como a inovação é importante para as carreiras e os negócios, acontece no dia 14 de agosto, no Teatro Positivo, o Neoconnection. Estarão presentes Martha Gabriel, que é uma das principais pensadoras digitais no Brasil e também Allan Costa e Arthur Igreja, que são especialistas do Triple AAA e estão conectados às tendências inovadoras do Vale do Silício. Ingressos à venda no Disk Ingressos.

 

Frase:

“Espere o melhor, prepare-se para o pior e aceite o que vier” (Provérbio chinês)

 

Hamilton Fonseca | Seleção de Executivos | Fusões& Aquisições | [email protected]

 

Empresária transmite em livro ensinamentos sobre empreendedoras produtivas

A empresária, palestrante e mentora de produtividade para empreendedores Adelaide Giacomazzi lançou o livro “Empreendedoras Produtivas-Programa Restartme”.

Ela é fundadora e proprietária da Learning Coach e tem experiência de mais de 25 anos em empresas como Petrobras, GVT e Grupo Boticário. Adelaide é formada em Ciência da Computação e Administração de Empresas e tem especializações em Gestão em Psicologia Organizacional e Gestão Estratégica, MBA em Gestão Empresarial, além de ser Mestre em Educação e Novas Tecnologias e Master Coach pela Sociedade Brasileira de Coaching.

Qual o objetivo do livro?

Esse livro tem como objetivo apoiar mulheres na sua jornada empreendedora, para que elas usem melhor o seu tempo e dinheiro, transformando seus projetos, ideias e sonhos em realidade.

Você usou uma metodologia para escrever o livro. Qual foi essa metodologia?

Sim, utilizei a metodologia descrita no livro para idealizar o Programa Restartme e também para escrever o livro. É uma metodologia simples, prática e objetiva, associando REFLEXÃO com AÇÃO. Ela é composta de 5 passos organizados de forma circular: autoconhecimento, preparAÇÃO, realizAÇÃO, avaliAÇÃO e divulgAÇÃO.  

Qual é a maior dificuldade das mulheres hoje em empreender um negócio?

Uma das principais dificuldades enfrentadas pelas mulheres empreendedoras é conciliar a sua vida pessoal e profissional, uma vez que a sobrecarga com trabalhos domésticos, cuidado com os filhos e os negócios é muito alta. Conseguir ter mais qualidade de vida, independência, tempo para os filhos e familiares, viajar, ter momentos de lazer e tempo para cuidar de si mesmas é um desafio que pode ser superado com planejamento e organização.

É possível realizar sonhos e empreender diante das dificuldades?

Sim, é possível. Para transformar sonhos em realidade é preciso ter coragem, mudar comportamentos, pensar de forma diferente, tomar decisões e principalmente executar ações, tomar a atitude de fazer acontecer.

O que o livro representa para você?

Esse livro tem um significado muito especial para mim. Representa muito mais do que a realização de um sonho e a superação de momentos difíceis. Representa a oportunidade de compartilhar o meu conhecimento e realizar o meu propósito e missão de vida, que é “desenvolver e conectar empreendedores para que eles encontrem realização pessoal e profissional, conquistem seus objetivos e realizem seus sonhos”.

 

Curtas

* A Associação Rede Solidária, que atende quatro entidades assistenciais, está realizando um bazar especial, das 9 às 17h, onde são ofertados cerca de mil produtos apreendidos pela Receita Federal e doados para a Associação, com preços até 80% mais baixos em relação ao varejo tradicional. Cada pessoa (por CPF) poderá comprar até R$ 700 e o pagamento pode ser feito em dinheiro, cartão de débito ou crédito. Rua Raul Joaquim Quadros Gomes, 495 – Tarumã (Curitiba). Entrada: 1 litro de leite ou 1 kg de alimento não perecível.

* Dentro ou fora da caixa? Criador do conceito de produtividade e mindsetividade, Marcio Welter ministra curso na AHK Paraná. Você foca exclusivamente em seus objetivos pessoais ou leva em consideração o impacto de suas ações para si próprio e aos outros? Ou seja, tem uma mentalidade dentro ou fora da caixa? Essas são algumas das reflexões que serão proporcionadas pelo curso “Como desenvolver uma mudança de Mindset?”. Mais informações e inscrições: (41) 3323-5958 ou pelo e-mail [email protected]

 

Frase

“A fronteira entre a curiosidade e o atrevimento às vezes pode ser sutil” (Autor desconhecido)

 

Hamilton Fonseca | Seleção de Executivos | Fusões& Aquisições | [email protected]

Consciência financeira ajuda na carreira e nos negócios

O palestrante e especialista em finanças, Carlos Martins, realizou uma palestra em Curitiba com o tema “Consciência Financeira: mude sua programação mental e construa uma nova realidade”. O evento aconteceu na sede do EBANX.

Ele é Mestre em Engenharia Elétrica e Especialista em Gestão de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas. Fundador do Instituto Essenz, empresa focada no desenvolvimento humano e organizacional com base em ferramentas avançadas de autoconhecimento, Martins também é palestrante e professor de MBA nas áreas de Coaching, Liderança, Finanças Pessoais e Corporativas, Vendas e Planejamento Estratégico.

Para qual público é destinado sua palestra?

Os brasileiros já começaram 2019 mais endividados; atualmente 60,1% das famílias têm algum tipo de dívida, aponta pesquisa da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). Viver uma vida sem preocupações com dinheiro está fora da realidade da população no país. Vou mostrar que consciência financeira existe e pode ser construída.

O que o público assimilou?

Ensino os três pilares para conquistar a tão sonhada liberdade financeira. Mostro como o padrão interno de crenças e hábitos define a realidade financeira e da vida. Olhar para o dinheiro sob uma nova perspectiva, compreendendo que nossa atual situação é reflexo de nossa programação mental sobre dinheiro. Um dos diferenciais da palestra é a forma como conseguimos abordar autoconhecimento e educação financeira, ajudando as pessoas a organizarem suas finanças.

Haverá outra data para a palestra?

Quem se interessou, mas não pode comparecer ou quer se aprofundar mais no assunto, voltarei a Curitiba nos dias 3 e 4 de agosto, com um workshop completo sobre Consciência Financeira. Serão dois dias de imersão total em temas práticos e teóricos que irão ensinar, de forma dinâmica, conceitos e ferramentas para transformar imediatamente a relação com o dinheiro, reprogramar a mente para o sucesso financeiro e administrar o dinheiro de forma inteligente. O curso terá duração de 9 horas por dia.

As inscrições para o workshop já estão abertas?

Sim. Os interessados poderão se inscrever no link http://bit.ly/ConscienciaFinanceira.

 

Curtas

* Caminhoneiros: Como a tecnologia está mudando a vida na estrada. Pesquisa da CNT mostra que depois das redes sociais o 2º maior uso da internet pelos caminhoneiros é para gerar negócios. A tecnologia traz aumento da lucratividade e produtividades para o setor. É o caso do Fretefy, app que facilita ao caminhoneiro encontrar oferta de cargas. Em 6 meses, já possui 150 mil caminhoneiros na plataforma. O Fretefy é um facilitador na busca por carga próxima e adequada ao caminhão e aumenta a possibilidade do frete retorno.

*Como falar sobre a morte com crianças e adolescentes? Aconteceu dias 26 e 27 de junho um workshop sobre o tema da morte na literatura com a estudiosa Sueli Cagneti, na Porto Educação. A morte tornou-se um tabu na sociedade ocidental. As rodas de conversa não abrem espaço para o tema, que muitas vezes é ocultado das crianças. Porém, o assunto é de suma importância para a formação de um indivíduo bem resolvido que saiba lidar com o luto e com as perdas. Para mais informações sobre a atividade: (41) 3223-7678 - (41) 99168-7678 ou [email protected]

 

Frase:

“Lembre-se de cavar um poço bem antes de sentir sede” (Provérbio chinês)

 

Hamilton Fonseca | Seleção de Executivos | Fusões& Aquisições | [email protected]

 

 

Empreendedora cria plataforma para unir terapias integrativas

Quando se fala em propósito, a ideia é encontrar quatro características marcantes: o que se ama fazer, trabalhar com a vocação e ainda ser remunerado e reconhecido por isso. No lugar disso, muitos profissionais são pagos pelo que sabem fazer, mas nem é esse o motivo pelo qual acordam todos os dias.

Consonare: um projeto que respira propósito

Jornalista de formação, mas buscadora do autoconhecimento desde a adolescência, Ana Carvalho é formada em reiki, é meditadora Vipassana e atualmente está em formação em constelação familiar veterinária. No começo desse ano, surgia a startup Consonare (palavra do latim que significa soar juntos, harmonia em uma orquestra).

Desmistificando as terapias integrativas

O propósito da startup é reunir os profissionais de terapias integrativas numa plataforma que traga conteúdo sobre as terapias integrativas, partindo para um modelo de negócio autossustentável, que coloque em evidência essa área ainda pouco divulgada e cercada por mitos.

Modelo de negócio baseado em inovação

Para colocar o projeto para rodar, Ana conta com o apoio do mentor de inovação Thainã Monteiro, que possui a metodologia chamada “Caminho das Pedras”. Ao contrário da empresa tradicional, uma startup tem o cliente como centro do negócio. E isso acontece na prática, desde a validação da ideia, com pesquisas em campo, até outros processos de validação, etapa a etapa. “A Consonare nasce a partir da necessidade dos profissionais de terapia integrativa, e não o contrário. Quem fazia isso era empresa tradicional, que empurrava goela abaixo do cliente a sua ideia. Com esse processo, tenho aprendido muito como empreendedora”, ressalta Ana Carvalho, que já teve outra empresa de sucesso por 15 anos.

Profissionais em busca da marca própria

Na pesquisa com os profissionais que atuam na área, a fundadora da Consonare notou que a maior parte é formada por pessoas muito conhecidas em suas áreas, mas novatas quando se trata de terapias integrativas. “É aí que a Consonare entra para ajudar a ganhar visibilidade por meio de uma página acoplada à plataforma que serve como uma apresentação da profissional, além do blog que caminha para receber colaborações de cada uma das profissionais, que terão autonomia para postar conteúdo. Eu só vou ficar com a curadoria, mas são elas que vão também ajudar a disseminar as terapias integrativas”, conta. A Consonare pode ser encontrada no site http://www.consonare.com.br ou no Instagram e Facebook como @consonare_oficial.

 

Curtas:

*Viver uma vida sem preocupações com dinheiro está fora da realidade da população no país. Para o palestrante e especialista em finanças, Carlos Martins, a liberdade financeira existe e pode ser construída. Ele vai hoje (25) a Curitiba para ministrar a palestra “Consciência Financeira: mude sua programação mental e construa uma nova realidade”.  As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no site http://bit.ly/PalestraCuritibaConscFinanceira. Na ocasião,o público poderá doar peças de roupas para a Campanha do Agasalho 2019 realizada pelo Sesc Paraná. A palestra conta com o apoio do EBANX, onde será realizada.

 

* No mês do orgulho LGBT+ a Vivo fortalece suas iniciativas a favor da diversidade.  Além de iluminar alguns prédios administrativos com as cores da bandeira do movimento, a empresa recebe a primeira turma de jovens aprendizes composta por integrantes transexuais. A Vivo acredita na inclusão por meio da capacitação desses jovens e deve aumentar o número de colaboradores trans até o final do ano.  A operadora também lançou uma campanha interna, “Tem orgulho na Vivo. Tem todos na Vivo”, pautada no respeito às diferenças.

 

Frase:

“Podemos escolher o que semear, mas somos obrigados a colher aquilo que semeamos” (Provérbio chinês)

 

Hamilton Fonseca | Seleção de Executivos | Fusões & Aquisições | [email protected]

 

 

 

 

 

 

Conflito familiar é o principal motivo de desavenças nas empresas familiares

A PwC e o IBGC (Instituto Brasileiro de Governança Corporativa) realizaram neste ano a pesquisa "Governança em Empresas Familiares: Evidências Brasileiras", com o objetivo de apresentar um panorama das práticas de governança adotadas pelas empresas familiares brasileiras de capital fechado. Os resultados do estudo oferecem indícios sobre os desafios que as famílias empresárias enfrentam ao longo de suas trajetórias. O sócio da PwC Brasil, Carlos Mendonça, comenta os resultados do estudo, que entrevistou, em 2018, 279 empresas familiares brasileiras de capital fechado, em 21 Estados, de diferentes portes, setores, tempos de existência e naturezas jurídica.

 

A pesquisa aponta a importância das empresas familiares, bem como suas particularidades?

Ela é uma das maiores amostras já pesquisadas dentro do universo das empresas familiares brasileiras de capital fechado. Os resultados evidenciam pontos em comum que as famílias empresárias passam ao longo de suas trajetórias, que vão além da esfera do negócio. Por exemplo, os conflitos familiares são a principal causa para saída de sócios das empresas familiares (41,9%), enquanto a profissionalização da gestão é o grande motivo para a entrada de novos sócios (41,1%). Percebemos também que as famílias apresentam mais regras para tratar da entrada de familiares na empresa do que para disciplinar a saída de algum membro.

 

Qual é a sua análise em relação à sucessão familiar?  

Sem dúvidas, a sucessão está entre os principais desafios enfrentados pelas famílias empresárias. Segundo a pesquisa global da PwC de 2018, “Global Family Business Survey 2018: TheValuesEffect”, 44% das empresas familiares não têm um plano de sucessão.

O estudo "Governança em Empresas Familiares: Evidências Brasileiras" destaca um número ainda maior, com 72,4% das empresas brasileiras relatando não ter um plano de sucessão para cargos-chave.

A maioria (59,5%) conta ou contou com orientações de profissionais externos para a gestão do patrimônio da família, como escritórios de advocacia e empresas de consultoria.

E sobre a Governança Familiar? Quais os destaques?

 Observamos que as boas práticas de governança estão mais presentes nas empresas que estão na 3ª geração, em que o fundador já não atua diretamente. O desafio é que as boas práticas de governança permeiem também empresas sob a gestão da primeira geração, de forma que a organização e a família capturem os benefícios da boa governança. O estudo mostrou também que 48% das famílias elaboraram um documento que disciplina a relação entre a família e o negócio. A existência desse documento é menos frequente entre as empresas comandadas pela primeira geração ou nas quais o fundador ainda está atuando.

 

Curtas:

* Sinepe/PR distribui cartilha antibullying. Uma pesquisa realizada pela Ipsos em 2018 coloca o Brasil como o segundo país com a maior incidência de casos de cyberbullying no mundo. A fim de prevenir a prática e promover a cultura de paz, o Sindicato das Escolas Particulares - Sinepe/PR lançou - em parceria com a Abrace - Programas Preventivos - a cartilha "Escola sem bullying". O material aborda questões como o uso seguro da internet, ações de prevenção, conceito de bullying e suas causas.

*O Sesi Cultura Paraná tem apoiado a realização de exposições que buscam compreender o patrimônio industrial como um bem cultural. Pensando nesse conceito, a cidade de Curitiba se torna única e indescritível por sua diversidade arquitetônica.No dia 5 de junho foi lançada a exposição “Um Olhar sobre o Patrimônio e a Paisagem Industrial do Rebouças” na Galeria do Centro Cultural Sistema Fiep, localizada na Unidade Dr.CelsoCharuri.

 

Frase

“Somos seres destinados a incompletude, e é isso que nos faz caminhar” (Jacques Lacan)

 

Hamilton Fonseca | Seleção de Executivos |Fusões & Aquisições|[email protected]

 

 

 

Coworking na área de educação amplia experiências e oportunidades para professores

A procura pelos serviços de economia compartilhada (coworkings) vem crescendo entre nós. Em alguns setores essa atividade é bem comum, porém, no setor da educação, isso é pouco explorado. A Porto Educação é um dos únicos coworkings do país voltados exclusivamente ao ensino. Conversamos com Rodrigo Silva, diretor da Porto Educação. Confira a seguir!

O que é a Porto Educação e com que propósito ela foi criada?

A Porto educação é uma escola para professores e gestores educacionais e, recentemente, foi criado um coworking ligado à educação. Um espaço compartilhado para pessoas que trabalham ou queiram trabalhar com a educação.

O que a Porto disponibiliza em infraestrutura e serviços e quais são os diferenciais?

O coworking da Porto Educação conta com salas para professores darem aulas particulares, salas para cursos, reuniões e eventos. Além disso, conta com um leque de cursos voltados à formação docente de professores - cursos de curta duração cujo objetivo é o de levar ferramentas e inovação ao trabalho dos professores em sala de aula. As escolas de educação básica contam com pacotes anuais de assinatura e contratam um número de cursos por ano para seus professores.

Sendo um dos únicos coworkings no país, voltado exclusivamente ao ensino, vocês lançam algo pioneiro nesse nicho?

Certamente é pioneiro, uma vez que abre um espaço onde circulam profissionais de diversas áreas, mas que respiram o tema da educação constantemente. Ele está pensando/trabalhando em suas áreas, mas está buscando soluções, seja em cursos ou serviços para o setor educacional. Nesse sentido, a Porto torna-se um ecossistema que congrega diversas áreas, todas pensando/respirando o tema educação. Outro ponto é o foco em formação continuada de professores, um dos pontos mais importantes no trabalho da Porto, dado que é um tema de grande relevância hoje, mas ainda pouco explorado, mesmo sendo comprovadamente um caminho que traz resultados significativos para a educação. Um professor atualizado, motivado, antenado ao mundo que o cerca é certeza de uma educação mais conectada, atualizada e, portanto, que surte efeito e entrega resultados.

Com o anúncio do corte de verbas na educação e, consequentemente, um mercado instável, em que posição você enxerga a Porto Educação neste momento?

Certamente o mercado educacional vive instabilidades, mas vive também perspectivas em diversos campos. O professor é um profissional que não necessita estar apenas ligado à escola hoje. Ele faz assessorias, correções, elabora material didático, dá aulas particulares. E nos últimos tempos, tem buscado outras plataformas, como o Youtube, por exemplo. Nesse aspecto, lançamos um curso de Youtube para professores, buscando a figura de um professor mais empreendedor, que se utiliza do seu conhecimento para gerar negócios e criar novas formas de se colocar no mercado.

 

Frase:

“Empreender é o pensamento seguido da atitude de fazer acontecer” (Bruno Bezerra)

 

Hamilton Fonseca |Seleção de Executivos |Fusões & Aquisições | [email protected]

 

 

 

A meritocracia e os novos formatos de contratação de profissionais

A Associação Brasileira de Recursos Humanos do Paraná (ABRH-PR) realizou mais uma edição do Bom Dia RH no Hotel Bourbon em Curitiba.

Reforma trabalhista

Na programação, a primeira apresentação foi da advogada e vice-presidente do Movimento Pró-Paraná, Lucyanna Lima Lopes, que falou sobre “Novos formatos de contratação de pessoas pós Reforma Trabalhista”. A advogada abordou sobre todas as novas possibilidades de contratação e formatos elencados pela Reforma Trabalhista. “É um tema muito relevante para os profissionais de RH, pois atualmente pode representar uma estratégia cultural, de inovação e de gerenciamento de orçamentos. É importante aos representantes da área perceberem a importância de conhecer e desenharem novos panoramas na área de gestão de pessoas”, diz Lucyanna.

Meritocracia corporativa e novo modelo de gestão de pessoas

A palestra seguinte foi com o CEO do Instituto Brasileiro de Meritocracia, Adriano Silvano Szezecinski, com o tema “A meritocracia corporativa como modelo de gestão de pessoas na era da economia digital”.

Serviço – Bom Dia RH

Temas: “Novos formatos de contratação de pessoas pós Reforma Trabalhista” e “A meritocracia corporativa como modelo de gestão de pessoas na era da economia digital”. Palestrantes: Lucyanna Lima Lopes e Adriano Silvano Szezecinski

Organização: Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH-PR)

 

Curtas:

 

* O diretor do IPDA – Instituto Paranaense de Direito Administrativo, Renato Andrade assumiu a presidência do Tribunal de Ética e Disciplina da OAB Paraná, sucedendo a procuradora do Estado Eunice Martins e Scheer. A advogada Heloisa Guarita Souza tomou posse como vice-presidente, e o advogado Luiz Fernando Matias, como secretário-administrativo. O novo presidente afirmou que os membros do TED irão trabalhar para manter a qualidade e a presteza dos trabalhos realizados.

 

* Ainda não chegamos ao final do primeiro semestre, mas as instituições de ensino já estão começando a se planejar para o próximo ano letivo. Por isso, o Sinepe/PR promoveu, no dia 3 de junho, o Workshop de Matrículas 2020. O evento propunha uma verdadeira imersão na atual realidade educacional. Reunindo profissionais das mais diversas áreas, como educação, marketing, direito e contabilidade, o Workshop de Matrículas 2020 trouxe informações essenciais para a busca do pleno desenvolvimento das instituições de ensino, com palestras de Rogério Mainardes, Antônio Eugênio Cunha, Luiz Fernando Ferraz, dentre outros.

 

*Representantes Comerciais Autônomos para tradicional publicação curitibana (versão impressa e online), para comercialização de espaço publicitário. Profissional experiente, importante possuir carteira de clientes, excelente habilidade de comunicação verbal e escrita, iniciativa e dinamismo, prospecção de clientes; Experiência com vendas de publicidade impresso e online, branding e prospecção de clientes. Remuneração: comissionado. Mais informações: 41 99123-7933

 

Frase:

“A vida não acaba quando deixamos de viver e sim quando deixamos de buscar algo nela” (Bob Marley)

 

Hamilton Fonseca | Seleção de Executivos|Fusões& Aquisições|[email protected]

 

 

Cantora lírica e funcionária pública aposentada descobre vocação na hotelaria

Existem pessoas que estão sempre atribuindo às circunstâncias por não conseguirem realizar seus objetivos. Existem pessoas que procuram as circunstâncias de que precisam e, se não as encontram, as criam. Assim é a nossa entrevistada, Ivonete da Silveira Euzébio, um exemplo de quem não se entrega à aposentadoria. Além dos filhos e netos, está sempre lendo e em atividade. Após uma trajetória no serviço público na área da saúde, fez trabalhos voluntários e dedica uma atenção especial pela música clássica, chegando a gravar 4 CDs. Há mais de 4 anos descobriu uma nova vocação como Anfitriã do café da manhã no Hotel Tulip Inn no Batel, da rede BHG Hotéis, a terceira maior administradora hoteleira no país, tendo sido escolhida funcionária do ano.

Como foi o seu ingresso no mundo da hotelaria?

Me senti motivada a voltar ao mercado de trabalho e me identifiquei com a hotelaria. Fui indicada por uma agencia para trabalhar no Hotel Tulip Inn no Batel na área de serviços gerais. Em uma ocasião fui convocada para auxiliar no atendimento do café da manhã. Procurei fazer o melhor em receber e agilizar, a partir desta ocasião fui designada para trabalhar na recepção do café.

Gostar do que faz é importante?

Sem dúvida. O ambiente de hotelaria é como se fosse a segunda casa do hóspede e temos que fazer de tudo para que ele sinta isso. É preciso ter com gosto pelo que faz, até porque o trabalho fui melhor e o convívio com os colegas fica mais produtivo. É muito importante que os colaboradores tenham uma boa qualidade de vida no trabalho, com harmonia nas relações.

Como foi escolhida funcionária do ano em 2014?

Foi uma enorme surpresa ir receber o prêmio no Rio de Janeiro, fiquei emocionada, minha família foi convidada. Tenho gratidão por algumas pessoas, em especial a nossa Gerente de Operações da regional Sul, a competente Lilian Franco.

Como é a sua relação com a música clássica?

Tive o privilégio de estudar canto lírico e sempre procurei manter ativos os contatos com músicos e maestros. Participei de inúmeros concertos, talvez um dos mais importantes, por ocasião da vinda do Papa João Paulo II a Curitiba, me apresentei com o Coral do Paraná, do qual fui uma das dirigentes.

Frase:

O planejamento não diz respeito a decisões futuras, mas as implicações futuras de decisões presentes (Peter Drucker)

(Headhunter | Fusões & Aquisições | [email protected])

Dedicação e visão de dono na empregabilidade

É senso comum nas organizações com cultura empresarial bem definida dar valor ao comportamento dos seus colaboradores. Sejam operacionais ou executivos, que tratem o trabalho como se fosse seu próprio negócio, que tenham um sentimento de dono. Não é fácil desenvolver este sentimento nos colaboradores, segundo Christian Carneiro Lobo, Diretor da área de Gente e Gestão da Comfrio Inteligência em Soluções Logísticas, formado em Direito, pós-graduado em Gestão de Pessoas.

Diferencial

O diferencial de empregabilidade está relacionado a dois pilares essenciais, a Dedicação e a Visão de Dono. Olhando para o mercado de trabalho percebemos muita mão de obra disponível, pois sabemos que existem bons profissionais disponíveis, pois várias empresas sem alternativa obrigaram-se a reduzir seu corpo funcional. A ideia de que só os maus profissionais ou os menos competentes estão desempregados, já não é mais uma realidade.

Visão

Quando cito a dedicação como um pilar me refiro ao significado da palavra: Qualidade ou condição do quanto nos dedicamos a alguém ou algo, resumindo em poucas palavras: O quanto nos dedicamos para trazer excelência e resolução para nossas atividades, trabalhamos e trabalhamos mais ainda se necessário até encontramos soluções. Quando cito a visão de dono é algo que já esteve em voga, mas que ultimamente vem perdendo espaço, ter a visão de dono nada mais é que um compromisso e responsabilidade com suas atividades que superam a média hoje apresentada por nossos profissionais, é um engajamento que motiva o time, que desperta em todos admiração, pois não falamos de bônus ou recompensas, falamos apenas de uma postura que surpreende e gera motivação. Afinal, mais que bons currículos, existe escassez no mercado de quem não perde a motivação com o tempo, quem sente-se parte da empresa e com certeza estes diferenciais são chaves para a permanência neste mercado turbulento que atravessamos.

Frase

De gente burra, eu só quero as vaias

(Nelson Rodrigues)

Administradora de estacionamentos negocia unidades em Curitiba e Florianópolis
O aumento da frota de veículos vem garantindo o crescimento do setor de administração de estacionamentos em todo o País. Mesmo em tempos de desaquecimento da economia, o negócio continua sendo muito rentável, além da falta de segurança e o aumento da violência tornam o serviço essencial para a população. Assim, o negócio neste segmento se apresenta como uma boa oportunidade para empreendedores e investidores. Após uma revisão de portfólio de negócios, empresário de Curitiba deseja identificar interessados na aquisição do negócio em pleno funcionamento. O proprietário optou por se desfazer de algumas unidades em Curitiba e Florianópolis. A decisão é de cunho meramente estratégico, pois a oportunidade é um negócio totalmente rentável e de fácil gestão.

A origem da empresa e modelo gestão participativa

Foi criada há mais de 20 anos, é dirigida pelo sócio proprietário e uma pequena equipe. O fato do proprietário e a pequena equipe de líderes estarem à frente das operações empresa, isto traz vantagens de uma gestão ágil e plenamente compatível com as exigências do mercado. A empresa possui uma gestão que reforça a visão de futuro, seus desafios e suas competências em relação ao mercado, aos clientes e à concorrência.

Visão estratégica do negócio

Através desta gestão, a visão estratégica dos cenários externos e seus impactos para os negócios da empresa fundamentam as decisões do presente, ampliando o nível de segurança pelos caminhos adotados, proporcionando novas percepções de oportunidades, soluções e alternativas tecnológicas, operacionais e de gestão.

Controles gerenciais e gestão de RH alinhada aos objetivos da empresa

Da mesma forma que a empresa possui controles gerenciais compatíveis com a dimensão e complexidade das operações, garantindo o acesso às informações relevantes sobre o desempenho das unidades.

A empresa tem fortes vínculos com os colaboradores por meio de práticas participativas de gestão, bem como procedimentos de justa remuneração, ampliação de oportunidades de carreira e desenvolvimento das pessoas, alinhadas aos objetivos da empresa.

Qualidade como filosofia do negócio

A empresa adota a qualidade com filosofia de gestão, instrumentando as equipes para a busca da melhoria contínua nos processos de trabalho e nos serviços aos clientes.

Mais Informações

A HF Capital Humano e Fusões & Aquisições, responsável pela condução do processo, está a disposição de interessados para iniciar conversações: 41 99123-7933

Frase:

Certas criaturas têm a mania de dar bons conselhos, precisando tanto deles para si. É o que chamo de cúmulo da generosidade

(Oscar Wilde)

*Hamilton Fonseca |Headhunter | Fusões & Aquisições