Visão Empresarial
Por que para algumas pessoas o trabalho não é uma fonte de realização pessoal?

Tortura

Algumas pessoas ainda não entenderam que há uma distância muito pequena entre lazer e trabalho. Entretanto, é preciso que você primeiro entenda que a palavra trabalho pode não remontar a um efeito muito positivo e por um motivo muito simples. A palavra trabalho vem de tripalium que significava um instrumento utilizado para torturar as pessoas na idade média quando alguém não conseguia pagar os impostos e é claro que quem não conseguia pagar os impostos era sempre a classe mais baixa, a classe mais pobre, por isso as pessoas eram castigadas pelo governo com o tripalium.

 

*****

Contrapartida

Depois esse conceito evoluiu para o francês e também para o inglês, mas em bom português, trabalho vem de um conceito de muito esforço, de uma obrigação. Então você começa a entender que o trabalho em todo o mundo sempre esteve conectado com algum tipo de contrapartida que você deveria entregar a alguém. Depois, na medida em que as coisas evoluíram surgiu o salário, que era uma recompensa financeira por conta daquilo que você entregava. A grande questão é que na maioria dos casos, pessoas que focam na recompensa financeira tem a chamada alegria efêmera, ou seja, elas ficam realizadas apenas no curto prazo, mediante a aquisição financeira.

 

*****

Objetivo

Contudo, a realização profissional aquela que realmente vai levar a pessoa a acordar todos os dias disposta e feliz para trabalhar, fica cada vez mais distante. Por isso, preste atenção! Se você quer conciliar trabalho com lazer, a primeira coisa é perguntar se você quando trabalha busca algum tipo de realização pessoal ou então foca apenas no retorno financeiro. Se for o retorno financeiro, contente-se com isso e pare de reclamar que o seu trabalho não lhe dá prazer, pois afinal foi você que escolheu isso. Para a coluna Visão Empresarial

 

Luciano Salamacha