Cidades

Aeroporto Sant’Ana poderá contar com dois voos diários a partir do próximo ano

(Foto: Divulgação)

Foi realizada na tarde desta quinta-feira (6) uma reunião entre a Secretaria Municipal de Indústria, Comércio e Qualificação Profissional e a Phenix Airport Management, empresa de consultoria aeronáutica, para discutir a certificação IFR do Aeroporto Sant’Ana, que permite a operação de voos por instrumentos. O objetivo é de com a homologação, que permitirá ainda mais segurança em condições adversas, também seja ampliada a oferta de voos comerciais.

Segundo o prefeito e secretário da pasta que administra o aeródromo, Marcelo Rangel, a Azul Linhas Aéreas, que hoje disponibiliza voos quatro vezes por semana para Campinas/SP, já garantiu a expansão da sua operação. “Com a garantia da IFR e o sistema de instrumentos em operação poderemos ter, a partir de março, dois voos diários rumo a Campinas – um de manhã, por volta das 9 horas, e outro de noite, próximo às 19 horas. Também estamos desenvolvendo um plano de estudo para viabilizar linhas para outros destinos”, conta Rangel.

Outro processo em andamento, segundo o gestor, é a produção das cartas de navegação. “Estamos realizando o levantamento topográfico dos pontos mais altos da cidade para viabilizar o mapa aéreo, solicitado aos órgãos técnicos de aviação”, destaca o prefeito e secretário da pasta.

Investimentos – A gestão já vem investindo na estrutura do aeroporto municipal para conseguir a certificação IFR há um tempo. Além de diversas readequações, após a compra da Estação Prestadora de Serviço de Telecomunicações e de Tráfego Aéreo (ETPA) toda a pista foi revitalizada já contando com a pintura exigida para os moldes da operação por instrumentos – o investimento foi superior a R$ 4 milhões e realizado no último mês de setembro.