Esportes

Brasil vira o jogo e está garantido nos Jogos de Tóquio-2020

Foi um jogo histórico. Depois de perder os dois primeiros sets, a seleção brasileira masculina de vôlei demonstrou poder de reação, se recuperou ao longo da partida, e após um terceiro set dramático, virou a partida, derrotou a Bulgária e garantiu a vaga nos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020. Neste domingo (11.08), no Palácio de Cultura e Esportes, em Varna, Bulgária, lotado, o Brasil fez 3 sets a 2 (23/25, 19/25, 32/30, 25/16 e 15/11) e carimbou o passaporte para o Japão.

Nos dois primeiros jogos pelo Grupo A do Pré-Olímpico, o Brasil havia vencido Porto Rico e Egito, ambos por 3 sets a 0. Neste domingo, o grupo brasileiro se superou, tendo o ponteiro Leal como maior pontuador do jogo. O atacante marcou 22 vezes, sendo 21 de ataque e um de bloqueio. Após o duelo, Leal comemorou a conquista.

“Estou muito feliz. Foi um jogo difícil e sabíamos que seria assim. Enfrentamos dificuldades nos dois primeiros sets, mas a força do grupo provou que é possível. Conseguimos nos reerguer ao longo da partida e, juntos, além de trocas importantes feitas pelo Renan, conseguimos mudar o rumo da partida”, disse Leal.

O ponteiro também falou sobre o início da realização de uma meta pessoal. “Nunca joguei uma Olimpíada e hoje consegui realizar a primeira parte do meu sonho. Conseguir essa vaga é o primeiro passo. Agora o pensamento já está totalmente voltado para Tóquio e espero estar lá junto com a seleção brasileira”, explicou Leal.

Emocionado com o resultado, o técnico Renan fez questão de destacar a importância de todos do grupo na conquista da vaga para os Jogos Olímpicos de Tóquio.

“Tínhamos uma missão a ser cumprida e agradeço a cada um deles, não por hoje, mas pelo trabalho que foi feito ao longo da temporada, em todos os dias, a cada treino, viagem. Todos se entregaram ao máximo. Na vida, não há castigo, nem recompensa. Há merecimento. E hoje foi justo o Brasil sair com essa conquista. Esse era o nosso grande objetivo: buscar a vaga já neste primeiro momento”, disse Renan.

A seleção brasileira masculina de vôlei ainda tem outros dois compromissos nesta temporada: o Campeonato Sul-Americano, em setembro, no Chile, e a Copa do Mundo, em outubro, no Japão.

EQUIPE

BRASIL – Bruninho, Wallace, Flávio, Lucão, Maurício Borges e Leal. Líbero – Thales

Entraram – Fernando Cachopa, Alan, Lucarelli, Maurício Souza, Isac, Maique

Técnico: Renan

PRÉ-OLÍMPICO

09.08 (SEXTA-FEIRA) – Brasil 3 x 0 Porto Rico, às 11h (Horário de Brasília) (25/23, 25/19 e 25/19)

10.08 (SÁBADO) – Brasil 3 x 0 Egito, às 11h (Horário de Brasília) (25/12, 25/19 e 25/14)

11.08 (DOMINGO) – Brasil 3 x 2 Bulgária, às 14h30 (Horário de Brasília) (23/25, 19/25, 32/30, 25/16 e 15/11)