Find!

Comendo fora de casa: o que levar na marmita?

Se você possui um estilo de vida que não permite fazer todas as refeições em casa, essa reportagem é para você! Com a correria diária e as demandas da vida adulta, a maioria das pessoas acaba passando mais da metade do dia fora de casa, dependendo de restaurantes e deliverys para se alimentar.

Uma ótima alternativa é levar a própria marmita para o trabalho, faculdade, ou qualquer lugar onde vá passar boa parte do dia. Além de ajudar a economizar, o hábito é bastante positivo, pois a pessoa sai de casa sabendo exatamente o que vai comer, qual a procedência dos alimentos e pode se programar em relação aos seus próprios horários.

Para dar algumas dicas sobre o assunto, convidamos a youtuber Gisele Souza, do canal 'Receitas de Minuto', que destacou alguns alimentos que são mais adequados e outros que merecem ser evitados nessas ocasiões. "A primeira coisa que você precisa lembrar é que essa comida será reaquecida, por isso alguns alimentos podem não dar muito certo, como um macarrão penne al dente com pouco molho, por exemplo, pois quando você aquecer ele provavelmente vai ficar mole e seco", adverte. Para evitar esse tipo de situação veja algumas dicas na hora de escolher os alimentos da marmita:

Alguns alimentos são mais propícios para serem levados na marmita do que outros (Foto: Saúde Brasil)

MACARRÃO: Sempre que fizer macarrão (de qualquer tipo) não cozinhe muito ele, deixe um pouco firme e adicione bastante molho. Assim, quando for reaquecer, ele vai terminar de cozinhar e não ficará molenga demais.

FRANGO GRELHADO: Tire ainda um pouco mal passado e para aquecer diminua a potência do micro-ondas, assim ele não vai ficar seco.

ARROZ E FEIJÃO: Quando fizer sua marmita pense que, ao colocar o feijão e arroz juntos, o caldo do seu delicioso feijão será absorvido pelo arroz, e quando for comer, não vai ter a mesma graça de quando comemos em casa. Então leve os dois separados, assim você pode aquecer um por vez e depois juntar tudo, como você faria em casa.

BIFE: Infelizmente o bife dificilmente vai ficar igual feito na hora, mas siga a mesma dica do frango grelhado que ajuda a deixar menos seco.

FRITURAS: Nunca é uma boa ideia, afinal as frituras são crocantes e ao reaquecer você vai perder toda essa 'crocância'.

SALADA: Nunca leve a salada junto com os outros alimentos, ou você vai precisar ficar separando tudo na hora de aquecer o restante.

OVO COZIDO: Lembre-se de cortá-lo antes de aquecer, ou pode explodir dentro do micro-ondas ou na sua cara.

RISOTOS E PURÊ DE BATATA: Para reaquecer um risoto ou purê de batata adicione um pouco de leite, aqueça um pouco e misture, senão vira uma coisa grudenta e sem graça. Outra opção é deixar o purê mais molinho e o risoto com um pouco de caldo.

HAMBÚRGUER: Siga a mesma ideia do frango grelhado, tire ele um pouco mal passado para que termine o processo quando reaquecer.

Ao contrário do que alguns pensam, é possível se alimentar bem fora de casa

CUIDADO

Tem algumas coisas que temos que ter um certo cuidado, como os peixes, já que eles possuem um cheiro forte e podem deixar não só o micro-ondas com mau cheiro, mas também a geladeira, ou mesmo impregnar todo o ambiente. Se for levar peixes aposte nos que tenham molho para que não ressequem.