Esportes

Cruzeiro pega o CSA em Alagoas em confronto na parte de baixo da tabela

Uma das contratações feitas pelo Cruzeiro nesta temporada, Pedro Rocha pregou total respeito ao CSA, adversário deste domingo, às 19h, em Alagoas, pelo Campeonato Brasileiro. Embora o adversário figure na zona de rebaixamento da competição, o atacante celeste espera um jogo complicado no estádio Rei Pelé, onde a Raposa buscará por sua primeira vitória fora de casa e também se afastar do Z-4.

“A gente sabe que no Campeonato Brasileiro não tem time fácil. Independentemente da posição, todos os times, principalmente jogando em casa, são complicados de vencer. Sabemos que temos que ir para esse jogo bastante concentrados, o CSA não é um time bobo. Estamos ao máximo preparados para fazer um grande jogo e conquistar nossa primeira vitória fora de casa”, garante.

Pedro Rocha também destacou os treinos pelos quais o setor ofensivo da equipe tem passado nos últimos dias com a chegada de Rogério Ceni. Na visão do jovem atleta, o rendimento tende a aumentar, uma vez que o treinador tem cobrado bastante para que o cenário recente de poucos gols mude logo.

“Pode mudar muita coisa. O Rogério tem trabalhado bastante em cima disso. Ele gosta do time pra frente, que esteja sempre no ataque, desde a marcação alta. Isso faz diferença, porque ficamos mais próximos do gol. E acredito que o rendimento aumenta, tanto nas finalizações quanto nas chances de gol. Temos trabalhado bastante isso, vínhamos em um jejum de gols muito grande. Para quem é atacante isso incomoda um pouco. Mas passou, é vida nova, e tenho certeza que vamos marcar mais gols ainda”, projeta.

Para que o time cinco estrelas reforce ainda mais sua artilharia, Pedro Rocha destaca a qualidade dos atacantes que o elenco possui.

“A concorrência ali no ataque é sempre boa. Isso mostra que todo mundo tem qualidade, que todos estão prontos e à disposição do Rogério. Ficamos felizes por isso. Tenho certeza que todos que estão aqui é para ajudar o Cruzeiro”, destacou.