Agroleite 2016

Juiz fala da emoção de julgar a suprema do Agroleite 2016

Raça Jersey será julgada nesta edição do Agroleite por um brasileiro, enquanto a Holandesa por um juiz americano

A avaliação dos animais da Raça Holandesa P&B, V&B e Clube de Bezerras será pelo americano Nathan Thomas, de North Lewisburg, Ohio (EUA), o qual conduziu o julgamento da Raça Holandesa em 2015, na World Dairy Expo, em Madison. Para a condução da Raça Jersey a avaliação será do brasileiro, Cláudio André da Cruz Aragon, o qual também será responsável pela tradução de Nathan Thomas. Juntos, definirão a Campeã Suprema do Agroleite 2016. Confira a entrevista com Aragon.

CASTROLANDA – O que representa integrar o quadro de jurados?

ARAGON - Para mim, pessoalmente, a Agroleite representa tudo que sempre me entusiasmou no gado de leite. Um evento que reúne o que há de mais atual em tecnologia, a oportunidade de ver as grandes vacas das raças de leite, o enorme fluxo de produtores e criadores, muitos deles amigos de longa data e, obviamente a grande expectativa em relação aos animais que irão se consagrar no evento. Atuar como jurado da raça Jersey é um prazer enorme. A Agroleite faz parte do Circuito Nacional do Jersey e para mim é uma honra poder estar fazendo os trabalhos de julgamento. Eleger as Supremas ao final do evento é um sonho de qualquer jurado e eu poderei estar realizando este sonho nesta edição do evento!

CASTROLANDA - O Agroleite será sede da Expohol e da etapa do Circuito Jersey . Como você vê o Agroleite como sede?

ARAGON - Na minha opinião, a Agroleite é um evento que chamamos de pronto, ou seja, já é um grande sucesso, com grande participação de público assegurada. Nada mais natural este ano do que promover as etapas nacionais do Holandês e do Jersey na Agroleite. Além de enriquecer o evento, há uma participação muito grande por parte de produtores e criadores de diversas partes do país. Alguns mencionam que a data para a realização de uma nacional deveria ser mais para o final do ano. Creio que é válido esta colocação e poderá ser pensado para 2017.

CASTROLANDA – O que você recomenda para o desenvolvimento do Agroleite?

ARAGON - A Agroleite, como feira dedicada a pecuária leiteira, mostra um formato muito bom para atrair visitantes de toda parte. Isto porque agrega valor para o pecuarista, para o agricultor e para o entusiasta da raça. Como ocorre em outras grandes feiras ao redor do mundo, o interesse do público é cada vez maior. Um dos fatores que limitam a vinda de mais gente na Agroleite é a rede hoteleira oferecida. Outra recomendação interessante seria a organização de uma assistência aqueles que desejam fazer visitas em fazendas próximas. Castro é a região mais conhecida no leite e muitos vêm para ver propriedades que estão em destaque nacional. No restante, o formato que a feira tomou mostra claramente a preocupação com o conforto dos animais e do público participante. (Castrolanda Notícias)


Aragon: “a Agroleite representa tudo que sempre me entusiasmou no gado de leite”

Foto: Divulgação