Cidades

Licitação de nova cadeia de PG deve ser homologada até dia 15

A informação foi confirmada pelo secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Sandro Alex, que destacou o fato de o resultado da licitação ter sido apresentado dentro do prazo
Obra deve amenizar problema da superlotação no Hildebrando (Foto: Arquivo DC)

O Governo do Estado deve homologar até o próximo dia 15 o resultado do procedimento licitatório que selecionou a empresa Construtora Marluc para executar as obras da nova cadeia pública de Ponta Grossa, com investimento de R$ 17.429.000,00. A informação foi confirmada pelo secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Sandro Alex, que destacou o fato de o resultado da licitação ter sido apresentado no final de março, conforme prometido ainda no início do ano.

A obra, com 6.832 metros quadrados, deve iniciar logo após a homologação e posterior assinatura da ordem de serviço. Os serviços devem ser realizados dentro do prazo de 450 dias corridos. O imóvel será construído em terreno próximo à atual Penitenciária Estadual de Ponta Grossa, e incluiŕa 752 vagas no sistema penitenciário da cidade.

Embora chamada cadeia pública para efeitos contratuais, a Sesp informou que a estrutura corresponderia a uma nova penitenciária, incluindo qualificação profissional dos presos, visita íntima e tratamento penal completo. Ainda não há previsão para abrir edital para as obras da cadeia de custódia, também em Ponta Grossa, e que ofereceria outras 512 vagas. Juntas, as duas instalações trariam 1,3 mil vagas a mais para o sistema prisional da cidade.