Geral

Microcervejaria de R$ 1 mi é inaugurada em Ponta Grossa

Na manhã desta segunda-feira (11) foi inaugurada a microcervejaria Brauns Bier, no Distrito Industrial, em Ponta Grossa. O investimento, segundo os proprietários, foi de quase R$ 1 milhão, e mais cerca de R$ 900 mil já estão previstos para ampliação da produção e construção de um espaço de convivência para os clientes.

Os sócios-proprietários da empresa, Jarbas Braun e Rogério Garcia, lembram que o projeto surgiu a partir de produção caseira. “Depois, fechamos uma parceria com uma cervejaria curitibana, que por dois anos produziu dois dos nossos rótulos. Agora, junto ao apoio e incentivo da Prefeitura, estamos realizando um sonho, aqui em Ponta Grossa”, contam os empresários.

O coordenador municipal de Desenvolvimento Industrial, Comercial e Tecnológico, Adilson Strack, conta que esta é a oitava microcervejaria instalada na cidade. “Em 2015 fizemos a lei municipal de doação de área no Distrito Industrial para a Brauns Bier como forma de incentivo e atração de investimentos para a nossa cidade. Ficamos felizes em ver que no lançamento da empresa ampliações já estão previstas”, analisa Strack.

Hoje a capacidade de produção da cervejaria é de quarenta mil litros por mês, mas o suporte da adega é de oito mil litros. Os sócios-proprietários contam que no primeiro semestre de 2018 serão comprados novos tanques para ampliar a capacidade de estoque. “Até julho queremos dobrar esse número, chegando a dezesseis mil litros. Juntamente à loja que queremos abrir e ao sistema de envasamento que iremos adquirir em 2019, serão cerca de R$ 900 mil de investimentos”, ressaltam Braun e Garcia.

Dentro desse capital também está o projeto de um 'Biergarten' - 'jardim da cerveja' em alemão - que consiste em um bar em área externa que deverá focar nas famílias ponta-grossenses. A atração deve ser instalada em anexo à microcervejaria e a estimativa é que seja lançada no final do próximo ano.

Pluralidade

O secretário de Indústria, Comércio e Qualificação Profissional, Paulo Carbonar, destaca a pluralidade produtiva de Ponta Grossa. “A palavra que mais usamos na secretaria é ‘acreditar’. Nós acreditamos que os empresários que recebem incentivos vão contribuir para a economia local e eles acreditam que a nossa cidade vai fazer o seu negócio crescer”, analisa Carbonar.

Desenvolvimento

Já a vice-prefeita e presidente da Fundação Municipal de Turismo, Elizabeth Schmidt, destaca o desenvolvimento do ramo cervejeiro. “Neste ano abrimos milhares de vagas de qualificação gratuita pelo Pronatec Turismo, e muitas foram para o curso de mestre cervejeiro. Vemos que Ponta Grossa está se destacando nesse segmento e resgatando essa sua vocação”, destaca Elizabeth.

Hoje a capacidade de produção da cervejaria é de quarenta mil litros por mês

 

PUBLICIDADE