Operário pode perder parte de campo de futebol em leilão

Em uma situação totalmente inusitada, o Clube Operário pode perder uma área equivalente a 35% de um campo de futebol. O espaço utilizado por associados em torneios internos, pode ser vendido durante leilão que será realizado nesta quinta-feira (14). A venda do local é consequência de uma ação trabalhista movida por um ex-jogador do Clube. Como até hoje ele não recebeu o que lhe era de direito, a Justiça penhorou o imóvel, que deve ser vendido por um valor entre R$ 95mil e R$ 190 mil, caso a dívida trabalhista não seja paga ou haja acordo nas próximas horas.

De acordo com o assessor jurídico da Vicente Martins Leilões, Jesiel Schemberger, após condenação, o Operário teve o tempo legal para cumprir o pagamento de maneira voluntária. “Como isso não ocorreu, o Poder Judiciário promoveu a penhora do imóvel disponível, que no caso era esse correspondente a uma parte de campo de futebol, com matrícula independente do resto do complexo”, relata.

O caso acaba ganhando maior repercussão, porque coincide com um momento de comemoração, dias após o Operário Ferroviário Esporte Clube conquistar o título de campeão brasileiro da Série D. O imóvel, de 462 metros quadrados, corresponde a parte de um campo de futebol suíço, e terá a primeira tentativa de venda às 11 horas desta quinta-feira (14), a R$ 190 mil e, em seguida, deve receber lances a partir de R$ 95 mil. O leilão ocorre presencialmente, no Hotel Vila Velha, e também on-line.

O DC entrou em contato com representantes do Departamento Jurídico do Clube Operário para saber se há possibilidade de evitar a venda do imóvel, mas foi informado de que o Clube não se posicionará a respeito do assunto. No entanto, conforme apurado pela Reportagem, a venda não afeta as atividades do time profissional, nem atinge o campo e a área do Estádio Germano Krüger, onde ocorrem jogos oficiais.

 

Divulgação
Área a ser leiloada corresponde à área social do Clube, ao lado da Rua Henrique Nadolny
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE