Polícia

Pai e filho são indiciados por homicídio em PG

Um idoso de cerca de 85 anos compareceu com seu filho de 45 anos à sede da 13ªSDP, nesta quinta-feira (10), onde ambos assumiram a autoria na morte de um homem de cerca de 28 anos, no início desta semana. O corpo foi encontrado nas proximidades do aeroporto Sant’Ana, próximo ao rio Tibagi e, até então, a suspeita era que tinha sido desovado no local.

De acordo com o delegado Marcus Vinicius Sebastião, em depoimento eles relataram que a vítima supostamente teria participado em crimes de furtos e arrombamentos praticados no restaurante da família. Os crimes já teriam sido informados às forças policiais, mas ninguém havia sido preso. Com o objetivo de identificar outros envolvidos e dar um susto no suspeito, pai e filho o colocaram no porta-malas do carro e dirigiram, com o objetivo de deixá-lo em uma estrada longe do imóvel.

Conforme o relato dos dois, ao abrirem o porta-malas para liberar a vítima, ela teria saltado e investido contra os dois. O idoso, então, teria pego uma foice que estava no carro e deu um golpe na vítima. Pai e filho teriam ido embora em seguida, sem saber a gravidade dos ferimentos deixados na vítima, que faleceu em seguida. Os suspeitos foram ouvidos e liberados, pois não houve flagrante. O caso segue sob a investigação do setor de Homicídios da 13ªSDP.