Política

Paraná terá concurso público para professor neste ano, destaca secretário Renato Feder

Secretário Renato Feder explica que entre os principais programas implantados está a Prova Paraná  (Foto: Rodrigo Felix Leal)

Em entrevista ao portal de notícias do Governo do Estado, o secretário estadual de Educação e Esporte, Renato Feder, fez uma avaliação dos trabalhos realizados em 2019 pela secretaria e as ações previstas para este ano. 
Convidado pelo governador Ratinho Junior (PSD) para assumir a coordenação da pasta de Educação e Esporte no seu mandato, Feder explica que entre as novidades previstas para 2020 estão aulas de educação financeira para alunos da rede estadual, ampliação do programa Escola Segura, além de realização de concurso público para contratação de professores. Acompanhe trechos da entrevista. 

Avaliação das ações 
"2019 foi ano muito positivo e de muito trabalho, em que vários projetos saíram do papel. Um dos principais é a Prova Paraná, que ajuda o professor a dar aula melhor, porque consegue saber tudo que a turma aprendeu e tudo que não aprendeu, e assim, elaborar aulas mais assertivas. Obviamente, tivemos algumas dificuldades no começo, mas na terceira aplicação, que foi a última do ano, tivemos 93% de participação e evolução no aprendizado. 
Além disso, a matrícula online deu excelente resultado: tivemos mais de 400 mil matrículas realizadas por famílias que não precisaram ir até a escola. E, mais importante ainda: os pais tiveram três opções de escolha para uma escola que seja aderente ao que ela quer para o seu filho. 
Também conseguimos fazer muita coisa com o orçamento que a gente tinha - e que foi aprovado pela antiga gestão - foram 223 obras, fora as 61 que estão em andamento e 150 com previsão de início para breve. 
A parceria com os municípios foi reforçada: criamos o Educa Juntos, baseado no diálogo com as cidades. Concretamente, oferecemos a Prova Paraná para os municípios, com 100% de adesão. Além disso, disponibilizamos material de reforço para a alfabetização, material que teve adesão de 360 municípios.
Também tivemos mudanças no ensino médio noturno x diurno: o que acontecia era que muitos alunos, por falta de opção, eram obrigados a ir para o noturno. Acabamos com isso: os alunos que querem estudar de manhã, ao final do nono ano têm vaga garantida para o ensino médio diurno. Para os alunos que querem estudar à noite, também garantimos vagas neste período. 
Os servidores da Secretaria Estadual de Educação fizeram um excelente trabalho, apesar de todas as dificuldades que a gente tem: orçamentária, de infraestrutura". 

Trabalhos que serão desenvolvidos em 2020
"Para 2020 a Prova Paraná ganhará mais corpo. Em 2019 ela foi feita só nas disciplinas de Português e Matemática e em 2020 vai ser para todas as disciplinas. Em 2019 a correção não era online e demorava de cinco a dez dias. Agora, vai ser instantânea. 
Também neste ano, em parceria com o Banco Central do Brasil, vamos capacitar os professores em educação financeira e com isso, eles vão passar para os alunos a educação financeira para que todos tenham gestão financeira melhor em suas vidas. 
Teremos no início de 2020 cem escolas participando do programa Escola Segura, e no final de 2020 já temos orçamento para 200 escolas no programa. 
Outro fator importante é que integramos o calendário das escolas estaduais com as escolas das redes municipais, o que facilita a organização dos pais que têm filhos nas duas redes e também no serviço de transporte escolar". 

Concurso público 
"Vamos renovar com os professores do PSS [Processo Seletivo Simplificado] o contrato e em 2020 vamos fazer contratação através de concurso público de professores para a Educação. 

Ganhando o mundo
"Em um primeiro momento estamos levando os professores para o exterior. Em 2019, 117 professores fizeram intercâmbio e a ideia em 2020 é levar, além dos professores, 500 alunos para passar um semestre no exterior".