Cidades

PG tem 61 locais para realizar trabalho voluntário

Voluntárias do Pegaí, Claudia Bochenek, que atua na organização dos livros na estante que fica no supermercado Tozetto na vila Estrela

A cidade de Ponta Grossa tem 61 instituições onde os moradores podem realizar trabalho voluntário, de acordo com os dados do site ONGs Brasil, que mapeia instituições em todo o país que realizam trabalhos voluntários.

Segundo o mapeamento do site, os candidatos podem atuar como voluntários em diversas áreas como cultura, saúde, defesa dos animais, educação, proteção à crianças e adolescentes, inclusão social, entre outros.

Um desses locais é o Instituto Pegaí, uma iniciativa sem fins lucrativos, criada em julho de 2013 que mantém locais e espaços onde as pessoas podem doar e trocar livros. "Atualmente nós contamos 170 voluntários em 10 municípios para atender a demanda do instituto. Quem quer trabalhar no voluntariado com nós precisa se candidatar através do site e depois fazer uma capacitação, assim analisamos o perfil de cada um para encaixar em alguma função do que necessitamos", explica o presidente do Instituto, Idomar Augusto Cerutti.

Uma das voluntárias do Pegaí é a Claudia Bochenek, que atua na organização dos livros na estante que fica no supermercado Tozetto na vila Estrela. "Eu tenho uma amiga que já era voluntária com eles e eu acabava ajudando ela aqui no mercado. Então resolvi me voluntariar oficialmente para poder ajudar de fato nos que eles precisassem", revela. Claudia é voluntária há dois anos no instituto e conta o que mudou na vida dela depois de começar esse trabalho. "Eu nem consigo descrever direito a mudança que foi. Comecei a enxergar várias coisas diferentes e ver que o incentivo a leitura é muito importante. Conheci muitas pessoas e tive experiências únicas com o voluntariado", comenta.

As pessoas que quiserem se voluntariar em um dos 61 locais em Ponta Grossa, podem entrar no site da ONGs Brasil (www.ongsbrasil.com.br) e ver as instituições que aceitam trabalho voluntário.

Reconhecimento

O governo federal lançou nesta semana o Programa Nacional de Incentivo ao Voluntariado. A ação busca incentivar a participação dos cidadãos na promoção de práticas sustentáveis, culturais e educacionais voltadas à população brasileira mais vulnerável.
De acordo com dados da Pesquisa Nacional de Amostra por Domicílios Contínua (PNAD), do IBGE, 7,2 milhões de pessoas no Brasil realizaram trabalho voluntário em 2018.

Segundo o ministro da Cidadania, Osmar Terra, o trabalho voluntário, aliado às políticas públicas, tem um papel fundamental para o desenvolvimento social do país. "Queremos encontrar uma forma de estimular iniciativas que ajudem o próximo. É um trabalho sério e muito importante, principalmente, para quem é beneficiado pelas ações", destaca.