Cidades

Ponta Grossa aumenta casos confirmados com vírus ativo da covid-19

Foram oito novos casos no último boletim
(Foto: Arquivo DC)

Ponta Grossa atingiu, nesta semana, um novo patamar no que se refere ao contágio pelo novo coronavírus. Na quinta-feira (4), o boletim oficial trouxe 11 novos casos confirmados (um foi retirado posteriormente, por se tratar de contágio em outro município), o maior número desde o início da divulgação do boletim. Na sexta-feira (5), foram mais oito casos confirmados, o segundo maior número de positivados em 24 horas. Agora são 102 casos detectados, e 56 já recuperados.

As informações oficiais trazem outro dado interessante. Dos oito novos casos, apenas dois tiveram a origem de contágio identificada. No dia anterior, a origem não foi identificada em nenhum dos casos, à exceção de um profissional de saúde, cujo rastreamento já não ocorre devido à sua profissão. Isso reforça o alerta amarelo sobre a disseminação do vírus, revelando a ampliação dos casos de transmissão comunitária.

Outro aspecto que deve ser ressaltado é que, desde o dia 1º de maio, nenhum novo caso foi identificado após sua recuperação. Em quatro dias, foram 22 novos casos identificados com o vírus ativo, ou seja, com contágios que ocorreram em menos de duas semanas e que, ainda assim, não puderam ter sua origem identificada de imediato. Isso sugere, nas palavras do secretário adjunto em Saúde do município, Dr. Rodrigo Manjabosco, que a transmissão está ocorrendo por meio do toque de superfícies e pela presença em ambientes contaminados.

 

Recomendação

Essa mudança no perfil do contágio em Ponta Grossa levou o prefeito de Ponta Grossa, Marcelo Rangel, a estabelecer um alerta amarelo sobre a covid-19 no município, revogando decreto que havia estendido os horários do comércio e recomendando, em seu programa de rádio, que pessoas com mais de 60 anos e com doenças preexistentes como diabetes, evitem sair de suas casas. A sugestão é que se mantenham em isolamento por 10 dias, e intensifiquem, quando preciso, uso de máscaras e álcool 70.