Cidades

Prefeitura de Ponta Grossa diz que vai endurecer fiscalização

Operação integrada vai intensificar ação em shoppings, igrejas e equipamentos públicos em parques e praças

A Prefeitura de Ponta Grossa vai intensificar a ação de fiscalização nos próximos dias. Além das verificações no comércio de rua e descrumprimentos no toque de recolher que vem sendo realizada diariamente, as equipes devem intensificar as verificações especialmente em shoppings, galerias, igrejas e a utilização dos equipamentos públicos instalados em parques e praças.

A proposta é coibir aglomerações e descumprimento das recomendações que vêm ocorrendo nestes locais, conforme as denúncias encaminhadas pelo WhatsApp da Denúncia.
 
“Diariamente, nossas equipes de fiscalização estão recebendo 300 denúncias em média, de aglomerações em espaços públicos, como a pista de skate, em restaurantes e praça de alimentação, e até dentro das igrejas", disse o prefeito Marcelo Rangel.

Fechamento

Acrescenta o prefeito que "a reabertura destes segmentos só foi possível com a definição de regras mínimas para a prevenção, como redução do público, uso de máscaras e distanciamento entre os presentes. Se estas determinações passarem a ser descumpridas pela maioria, colocando a população em risco, podemos ter que impor uma restrição mais rígida, com novos fechamentos”.

De março a junho, foi aplicado R$ 67,4 mil em multas por descumprimento aos decretos relacionados ao combate a Covid-19, como as escalas para funcionamento do comércio e o toque de recolher.

Além de intensificar a fiscalização, o poder público também proibiu o uso de equipamentos públicos em parques e praças, com a interdição de academias ao ar livre, pista de skate, parques infantis e os campos society. 

Serviço

As denúncias podem ser feitas via mensagem pelo WhatsApp 9144-1290.