Cidades

Projetos propõem transformação no bairro Uvaranas

A proposta de uma construtora é investir R$ 2,6 milhões em um projeto realizado em conjunto com a prefeitura para revitalizar área do bairro
Binário está entre ações a serem implantadas em Uvaranas (Foto: Divulgação)

O Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Ponta Grossa (Iplan) analisa a viabilidade de uma proposta de repaginação em trecho do bairro Uvaranas. O projeto, encaminhado pela Construtora Prestes como parte dos Estudos de Impacto de Vizinhança (EIV), busca recuperar a infraestrutura no entorno de cinco empreendimentos de sua responsabilidade. A ideia é criar um novo binário, formado principalmente pelas ruas Siqueira Campos e Helládio Vidal Correia, incluindo ciclovias, portais e, talvez, cabeamento subterrâneo.

A proposta seria investir R$ 2,6 milhões na iniciativa, em um projeto realizado em conjunto com a prefeitura. “Uvaranas é gigante. Temos cinco empreendimentos onde entendemos ser o melhor lugar do bairro, considerando altitude, preservação de mata atlântica e proximidade com hospitais e universidades. Mas a infraestrutura no entorno ainda é ruim. Queremos propor a reestruturação do bairro”, diz Breno Prestes, diretor-presidente da construtora.

O projeto se soma a outras importantes ações que vêm se realizando para a revitalização do bairro Uvaranas, ao longo dos últimos três anos. Em outubro de 2016, por exemplo, a avenida General Calazans foi inaugurada como alternativa à avenida Carlos Cavalcanti, prometendo reduzir o tráfego em uma mesma via em horários de pico.

No início deste ano, a Sanepar informou ter concluído as obra de ampliação de adutoras para expandir o abastecimento de água no bairro. Foram mais de R$ 30,8 milhões investidos nessas melhorias, segundo a companhia.

 

Carlos Cavalcanti

No final de 2018 tiveram início as obras da segunda etapa da revitalização da avenida Carlos Cavalcanti, que deve receber o investimento de aproximadamente R$ 7,9 milhões. O contrato também contempla melhorias em trechos da rua João Ribeiro, rua Luiz Guimarães, rua José Carlos Rodrigues e rua Leopoldo Froes. A primeira etapa da revitalização da avenida Carlos Cavalcanti foi entregue no início de 2017, teve o investimento de mais de R$ 1,4 milhão, e englobou o trecho entre as ruas Catão Monclaro e Emiliano Perneta.