Cidades

Prolar articula parceria com Estado para construção de moradias

Expectativa inicial é de que pelo menos 150 unidades sejam autorizadas. Investimento estimado é de mais de 12 milhões

O presidente da Companhia de Habitação de Ponta Grossa (Prolar), Dino Schrutt, esteve em reunião com representantes da Cohapar e do Governo do Estado do Paraná para discutir ações para a construção de moradias populares na cidade. Realizado durante a tarde de quarta-feira (16), o encontro teve como pauta a apresentação dos termos de convênio entre a Prefeitura de Ponta Grossa e o Governo do Estado para a viabilização, a princípio, de cerca de 150 novas unidades habitacionais em Ponta Grossa.

O investimento estimado deve ultrapassar a marca R$ 12 milhões, sendo integralmente direcionado para as famílias assistidas pela Prolar.  “Temos interesse em consolidar essa proposta para ampliar ainda mais o número de famílias que realizam o sonho da casa própria no município. Diante disso, já solicitamos ao nosso setor jurídico a análise do convênio para que possamos formalizar essa parceria e dar prosseguimento no processo”, declara Schrutt.

Encontro teve como pauta a apresentação dos termos de convênio entre a Prefeitura e o Estado. (Foto: Divulgação)