Geral

Reeleição nas cidades da região atinge 100%

Dos 15 prefeitos que disputavam a reeleição na região dos Campos Gerais, todos irão permanecer no cargo no próximo ano. Dos 18 municípios que integram a Associação dos Municípios dos Campos Gerais (AMCG), excetuando-se Ponta Grossa, apenas dois terão um novo prefeito em 2009: Jaguariaíva e Piraí do Sul. Em ambos os casos, os atuais mandatários não participaram do pleito, mas viram seus candidatos serem derrotados.

Em Jaguariaíva, o prefeito Samir de Mello (PMDB) até poderia concorrer à reeleição, mas preferiu ficar de fora da disputa, apoiando o ex-prefeito Ademar Barros (PSDB). O tucano acabou sendo derrotado pelo advogado Otélio Baroni (PT), que fez 9.710 votos e teve a vitória mais apertada da região. Foram apenas 174 votos de vantagem sobre Barros.

Outra disputa acirrada foi em Piraí, onde o prefeito Valentim Milléo (PMDB) não concorreu porque já exerce seu segundo mandato consecutivo. A vitória foi de Antônio El Achkar "Toto" (PTB), com 4.002 votos, 164 votos a frente do candidato da situação, José Carlos Sandrini (PMDB). Em terceiro, com apenas 104 votos a mais que Sandrini ficou Helder de Mello (PSDB).

Quem teve a vantagem mais folgada foi o prefeito de Castro, Moacyr Fadel (PMDB), que se elegeu com 62,64% dos votos válidos. A segunda colocada, Maria Helena de Albuquerque (DEM), inscrita para a disputa duas semanas e meia antes do pleito, no lugar do ex-prefeito Claudioni Braga. Após se licenciar para a campanha, Moacyr reassumiu ontem a Prefeitura. "Vamos terminar este primeiro mandato com muito trabalho e iniciar a segunda gestão ainda com mais garra. Estaremos de volta pela vontade do nosso povo e vou retribuir a confiança de cada voto recebido com muito trabalho e dedicação para fazer uma cidade cada vez melhor para todos", disse ao retomar o cargo.

Em Carambeí, o prefeito Osmar Rickli (PSDB) foi reeleito com 52,7% dos votos, já que seu principal adversário, Alci Pedroso de Oliveira (PTN), não teve os votos computados por estar com a candidatura impugnada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE). "A população soube valorizar o trabalho de quatro anos. Estamos na metade do projeto de transformação e a maioria dos eleitores já se deu conta do ideal", ressaltou o prefeito após a divulgação do resultado final.

A impugnação de candidaturas fez com que em dois municípios os atuais prefeitos vencessem sem adversários. Em Ipiranga, Luiz Carlos Blum (PTB) foi beneficiado pela impugnação de Roberto Gomes de Lima (PSDB), o mesmo acontecendo em Imbaú, com o prefeito Lauir de Oliveira (PT) sagrando-se vencedor sobre o impugnado Sidnei Mendes (PSDB). Apesar de ainda recorrerem no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), os dois candidatos tiveram seus votos anulados.

 

PMDB conquista maior número de prefeituras

Com seis prefeitos, o PMDB confirma nos Campos Gerais os números obtidos no Paraná, onde foi o partido com a maior quantidade de eleitos. Em segundo lugar ficou o PSDB, que se manteve à frente de quatro prefeituras, seguido pelo PT, que governará três. O PTB administrará duas, enquanto PR e PSC seguirão à frente de um município cada.

Os peemedebistas se mantiveram à frente das prefeituras de Castro, Reserva, Sengés, Telêmaco Borba, Tibagi e Ventania. Em todo o Paraná, o PMDB elegeu 138 prefeitos, 101 vice-prefeitos e 749 vereadores. O presidente estadual do partido, deputado Waldyr Pugliesi, declarou que a vitória do partido "reforça a responsabilidade em manter e ampliar as políticas de inclusão de desenvolvimento econômico com justiça social no governo do Estado e nas prefeituras".

O PSDB, por sua vez, segue à frente das prefeituras de Arapoti, Carambeí, Ivaí e Ortigueira. Em todo o Estado, os tucanos vão governar 40 cidades. "Importante  ressaltar que houve a construção de uma frente no Paraná. Fizemos parte de um grupo, de uma ampla aliança, que vai para eleição de governador em 2010, com um grande número de prefeitos", avaliou o presidente estadual da legenda, deputado Valdir Rossoni.

Os petistas vão administrar em 2009 as prefeituras de Imbaú, Jaguariaíva e São João do Triunfo. Os petebistas, por sua vez, estarão no comando em Ipiranga e Piraí do Sul. Em Palmeira o prefeito é do PSC e em Porto Amazonas do PR. (A.G.)

 

Eleitos na região

Arapoti Luiz Fernando de Masi (PSDB)

Carambeí Osmar Rickli (PSDB)

Castro Moacyr Fadel (PMDB)

Imbaú Lauir de Oliveira (PT)

Ipiranga Luiz Blum (PTB)

Ivaí Idir Treviso (PSDB)

Jaguariaíva Otélio Baroni (PT)

Ortigueira Geraldo Magela (PSDB)

Palmeira Altamir Sanson (PSC)

Piraí do Sul Antônio El Achkar (PTB)

P. Amazonas Miguel Sokulski (PR)

Reserva Frederico Hornung (PMDB)

S. J. Triunfo Luiz de Lima (PT)

Sengés Walter Juliano Dória (PMDB)

T. Borba Eros Araújo (PMDB)

Tibagi Sinval Silva (PMDB)

Ventania Ocimar Camargo (PMDB)