Economia

Sicredi se torna referência internacional de cooperativismo

O presidente e CEO do Conselho Mundial de Cooperativas de Crédito (Woccu, na sigla em inglês), Brian Branch, afirmou que o Sicredi se tornou um modelo e referência internacional para as cooperativas de crédito em vários países. O executivo conheceu algumas agências da cooperativa em São Paulo, Rio de Janeiro e Paraná.

Na manhã de ontem (19), ele visitou a agência central do Sicredi Campos Gerais e pode conhecer detalhadamente o trabalho da equipe do local e também as ações do Comitê Mulher do Sicredi, que incentivam o empreendedorismo feminino. Branch destacou que a instituição financeira é um exemplo bem sucedido no mundo das cooperativas de crédito. “Nós temos alguns casos onde estão levando o modelo do Sicredi para aplicar nos países. A Guatemala, El Salvador, Peru, Colômbia, Irlanda e Polônia são lugares que já tem ou estão instalando cooperativas de crédito desse modelo”, explica. Brach ainda destacou que as cooperativas de crédito devem crescer exponencialmente nos próximos anos, por conta dos novos investimentos em tecnologia, segurança a aproximação com os clientes.

O diretor executivo do Sicredi Campos Gerais, Márcio Zwierewicz, explicou que a instituição tem crescido em média 20% anualmente. “Estamos muito orgulhosos em sermos reconhecidos internacionalmente e temos trabalhado muito para isso. Nosso crescimento é a prova disso e a nossa meta é de crescer ainda mais nos próximos anos e conseguir uma fatia maior do mercado financeiro”, conta. Zwierewicz revela que o Sicredi Campos Gerais está entre os 10 maiores da instituição no Brasil.

O modelo de gestão do Sicredi tem mais de 4 milhões de associados, os quais exercem papel de donos do negócio. A cooperativa está em 22 estados e no Distrito Federal, com mais de 1.600 agências. Só no Paraná já são 57 agências abertas.

Comitê Mulher

O Comitê Mulher do Sicredi apresentou para o CEO Brian Branch o trabalho que é realizado em Ponta Grossa e região. O comitê foi fundado em 2017 para enaltecer e aumentar a participação das mulheres na cooperativa, além disso, o objetivo é incentivar o empreendedorismo feminino nas mais diversas áreas. Durante o evento, representantes do Sicredi revelaram que o Brasil tem 30% das representantes que atuam para desenvolver esse trabalho em vários países.

Prêmio

A atuação do Sicredi no oferecimento de serviços financeiros e desenvolvimento das regiões onde atua sempre foi reconhecida pelo Conselho Mundial de Cooperativas de Crédito. Em 2018, a instituição financeira recebeu o Grouth Award, concedido pelo Conselho pelo crescimento na base de associados às cooperativas de todo o mundo. No mesmo ano, o Sicredi recebeu o prêmio internacional do Conselho pelo desenvolvimento de lideranças femininas no cooperativismo de crédito com o Athena Award 2018.

 

Novo conselho de administração e fiscal

A Sicredi Campos Gerais realizou a Assembleia Geral de Delegados na última sema. Durante o evento, os 65 mil associados da cooperativa foram representados por 85 coordenadores de núcleo, que homologaram as decisões tomadas nas assembleias de núcleo. Entre elas, a eleição da nova composição do Conselho de Administração, eleito para o mandato 2019/2023, e do Conselho Fiscal, mandato 2019/2021.

O conselho de administração continua sob gestão do presidente Popke Ferdinand Van Der Vinne (Fredy), e do vice-presidente Gilberto José Eleutério Zardo. Em seu discurso, Fredy destacou os avanços obtidos pela Sicredi Campos Gerais em seu primeiro mandato. “Há cada quatro anos conseguimos triplicar nossos números. Já fomos uma das menores cooperativas do Sistema Sicredi, e hoje nos orgulhamos de estarmos entre as oito maiores”, comemora o presidente.

Representantes se reuniram para falar sobre ações do Sicredi nos Campos Gerais (foto: José Aldinan)