Cidades

Teatro traz a força da obra de Paulo Freire

Apresentação no domingo, dia 8, no Parque Ambiental, traz emocionante encenação da vida e da obra de Paulo Freire. Atração é gratuita para toda a população.
(Foto: Adalton Valério/Divulgação)

"Não é possível refazer este país, democratizá-lo, humanizá-lo, torná-lo sério, ofendendo a vida, destruindo sonho, inviabilizando o amor. Se a educação sozinha não transforma a sociedade sem ela tampouco a sociedade muda". Este foi um dos últimos escritos de Paulo Freire antes de falecer, em 2 de maio de 1997.

Foi a partir do legado que Paulo Freire deixou na mente e corações dos brasileiros, que Richard Riguetti (ator), Luiz Antônio Rocha (encenação) e Junio Santos (dramaturgia) decidiram levar a emocionante e inspiradora vida do educador para os palcos no espetáculo "Paulo Freire, o andarilho da utopia". O espetáculo será apresentado no palco central do Parque Ambiental, no dia domingo (8), às 16 horas.

A peça derrama no palco a trajetória e os causos de um dos mais notáveis pensadores da história da educação mundial. O espetáculo propõe uma reflexão, mostrando a sociedade e o planeta em constante mudança através da ótica Freiriana, misturando elementos das linguagens do teatro, do palhaço e do teatro de rua. Em todas as sessões, logo após a peça, acontece um círculo de conversa com o diretor e o ator do espetáculo, uma troca de ideias e ideais sobre o mestre patrono da educação brasileira.

“Apresentamos o projeto da peça para Nita Freire, viúva do Paulo, e ela se encantou com a nossa proposta. Esse encontro nos alimentou durante todo o processo, para que a gente organizasse o nosso ato cenopoético no sentido da afetuosidade. Nita destacou, e podemos vivenciar, a amorosidade de Paulo Freire com relação ao mundo, as pessoas, aos seres vivos, e o profundo respeito ao diálogo, à compreensão, e a aceitação dos diferentes nos aspectos de um aprimoramento”, conta Richard Riguetti.

Espetáculo será apresentado no palco central do Parque Ambiental. (Foto: Adalton Valério/Divulgação)