no

Testes PCR aplicados em massa dão 20% positivos para coronavírus

Após completar mais de 41 mil testes RT-PCR padrão-ouro, e atender gratuitamente cerca de 20% da população do município de Parauapebas, no Pará, a empresa Testes Moleculares constatou que uma a cada cinco pessoas testadas está contaminada com Sars-CoV-2, vírus causador da COVID-19, e que, entre os positivos, cerca de 30% são assintomáticos. Estes dados indicam que, em grandes centros como São Paulo e demais capitais do País, o número de contaminados pelo vírus pode ser bem superior ao estimado.

"O índice de pessoas infectadas em Parauapebas acende um alerta de que a disseminação da pandemia pode ser muito maior do que se estima, e os dados disponíveis hoje não são capazes de demonstrar isso por falta de uma testagem em massa pelo método RT-PCR, que é o mais seguro, como foi feito neste município", destaca a Dra. Alexandra Reis, diretora Científica da Testes Moleculares.

Os dados da Testes Moleculares corroboram uma ampla pesquisa sobre a transmissão do coronavírus no Brasil, realizada entre fevereiro e maio deste ano, publicada na conceituada Revista Nature, na sexta-feira (31/07), e, segundo a qual, entre fevereiro e maio, cada pessoa infectada por COVID-19 no País transmitiu a doença para mais três pessoas. A publicação também conclui que o número de casos confirmados pode estar bastante subestimado junto à população em geral. Outro dado relevante da pesquisa é que o vírus se espalhou inicialmente pelas grandes cidades e municípios com mais conexões de acesso e depois por cidades de menor porte, sendo que a população com menor nível socioeconômico foi a que registrou o maior número de casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRGA) de causa desconhecida – uma das principais consequências da infecção pelo novo coronavírus.

"Os nossos dados e esta pesquisa demonstram a urgência de se realizar uma ampla testagem em massa pelo método RT-PCR, especialmente junto à população de menor nível socioeconômico, nas diversas localidades do País, pois este teste possibilita exatidão no diagnóstico e nos mostra o caminho percorrido pelo vírus, permitindo controlar, efetivamente, a pandemia ", completa a Dra. Alexandra.

O teste RT-PCR, padrão-ouro, aplicado pela Testes Moleculares em Parauapebas, é 100% preciso, sem risco de falso positivo ou negativo, sendo capaz de detectar a contaminação desde o primeiro dia de contágio.

Aplicado desde 29 de maio, este programa é o maior de testagem em massa realizado em uma única cidade no Brasil pelo método RT-PCR, até o momento. O programa está obtendo muito sucesso no município, ao ajudar a conter as contaminações e também a mapear o atual estágio de evolução do contágio no município. O projeto conta com apoio da prefeitura de Parauapebas e da iniciativa privada, em breve será implementado em cidades de outros estados.

O modelo de atuação da Testes Moleculares tem potencial para realizar mais de 100 mil testes por dia, de acordo com cronograma de montagem e entrega das unidades, em qualquer região do País, e com divulgação de resultados por meio de aplicativo. É a única empresa no Brasil com essa capacidade para testes em massa pela metodologia PCR molecular.

Sobre a Testes Moleculares

A Testes Moleculares é uma empresa de biomedicina, com perfil científico e que busca a fusão entre Saúde e Tecnologia. É a única empresa hoje com capacidade para realizar testes PCR em massa, em qualquer localidade do País, com precisão de quase 100% nos resultados e entrega no mesmo dia. Conta com um time de dezenas de especialistas da área de saúde como biologia molecular, saúde pública e infectologia, dirigidos pela Dra. Alexandra Reis, que tem participação em diversos projetos de saúde, públicos e privados (FINEP), Ph.D. em vírus respiratórios pela USP, Pós-Doutorada em Biologia Molecular.

A Testes Moleculares tem 10 anos de atuação na área de Biomedicina, e foi incorporada pelo grupo ETG – multinacional especializada em Tecnologia e Soluções de produção, com mais de 15 anos de experiência no mercado nacional e internacional. É presidida por Gabriel Rodrigues, empreendedor especializado em Tecnologia, Pesquisa e Desenvolvimento, e também fundador do Grupo ETG.

Fonte: GPCOM Comunicação Corporativa

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carregando…

0

Conheça os três tipos de fraude mais comuns nas compras on-line e como se proteger

Edu Dracena cobra boa arbitragem na final do Paulistão