Cidades

Vandalismo em academias gera prejuízo de R$ 160 mil em Ponta Grossa

Seis academias inteiras não podem ser recuperadas
Município tenta recuperar equipamentos (Foto: Divulgação PMPG)

A prefeitura de Ponta Grossa recebeu mais um registro de ato de vandalismo contra o patrimônio público. Parte de um equipamento da academia ao ar livre do residencial Buenos Aires sofreu danos praticados por um cidadão, que teve a ação registrada por um morador. O caso aconteceu na sexta-feira (16).

Atualmente, equipamentos de 11 academias ao ar livre estão no pátio da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (SMOSP) decorrentes de depredação. A quantidade gerou dano de R$ 165 mil aos cofres municipais. Cada uma é calculada em média R$ 15 mil.

De acordo com o secretário de Obras, Márcio Ferreira, das 11 academias ao ar livre, as equipes conseguirão restaurar apenas cinco. Isto é, R$ 90 mil dos danos causados não poderão ser sanados. Os equipamentos revitalizados serão colocados de volta para uso da população nos bairros onde estavam inicialmente.

“Alguns equipamentos das praças estão bastante danificados e as peças foram roubadas nas praças onde estavam. Com isso, a gente vai conseguir recuperar apenas cinco para disponibilizar novamente à população”, explicou.

 

Denúncia

A Secretaria Municipal de Obras contabiliza 50 academias ao ar livre em diversos bairros de Ponta Grossa. Todas apresentam algum tipo de vandalismo. A pasta orienta que os moradores denunciem os casos à Guarda Municipal (153) e Polícia Militar (190) a fim de o suspeito pelos atos ser identificado e responsabilizado.