Economia

Venda do Novo Corolla supera expectativas

Durante os primeiros 15 dias de comercialização, as concessionárias da Toyota de todo o Brasil receberam quase 6.000 pedidos 
(Foto: Divulgação/Toyota)

As vendas do Novo Corolla 2020, lançado oficialmente no dia 12 de setembro, vêm superando as expectativas da montadora. Durante os primeiros 15 dias de comercialização do modelo, as concessionárias da Toyota de todo o Brasil receberam quase 6.000 pedidos de clientes e já realizaram cerca de 2.500 emplacamentos (2.100 unidades 2.0L Dynamic Force e 400 Híbridos), correspondentes à produção até agora recebida da fábrica de Indaiatuba.
A demanda superou em cerca de 30% a expectativa da Toyota do Brasil para este período inicial de lançamento do modelo em ambas versões. Para o lançamento comercial, 122 concessionárias de todo o país reuniram quase 30.000 pessoas que puderam conhecer todas as novidades do sedã médio líder de vendas no Brasil. Do total de pedidos, 65% são referentes às versões GLi, XEi e Altis Premium equipadas com o novo motor 2.0L Dynamic Force de 177cv, e 35% do modelo Corolla Hybrid, com o sistema híbrido que combina três motores, dois elétricos e um a combustão de tecnologia flex e transmissão hybrid transaxle, o primeiro híbrido flex do mundo.
Modelo
O Novo Corolla 2020 já pode ser encontrado em toda a rede de concessionárias da marca no Brasil nas versões GLi, XEi e Altis Premium (com motor a combustão 2.0L Dynamic Force) com preços a partir de R$ 99.990 e Altis Híbrido a partir de R$ 124.990. 
A 12ª geração do veículo mais vendido do mundo estreou como um divisor de águas na indústria automotiva brasileira já que, pela primeira vez na história, um veículo híbrido com motor flex é produzido no Brasil. 
Disponível exclusivamente na versão sedã, o Novo Corolla conta com duas opções de motores: 2.0L Dynamic Force flex com transmissão Direct Shift de dez marchas e injeção direta, e o inédito sistema híbrido que combina três motores, dois elétricos e um a combustão flexfuel, que faz dele o carro movido a etanol mais eficiente do Brasil.