Meus Escritos
Brincadeiras De Vida

Bom dia!

Na terceira crônica, de minha série, sobre brincadeiras que ficaram em nossas mentes, trago nesta quinta feira, uma que eu gostava demais. Composta de dois tacos, bolinha geralmente de camurça amarelada, e duas pequenas estruturas, que mais pareciam arapucas, as quais chamávamos de casinha. Como era gostoso, jogarmos bete ombro, principalmente, na rua de terra, para ser mais emocionante. Pena, que nos dias atuais, as crianças, adolescentes e jovens, prefiram coisas tão superficiais, e outras coisas desnecessárias mais. Talvez, seja por isso, que ouvimos casos, de pessoas com apenas 9 anos de idade, tentando tirar a própria vida e outras conseguindo tirar de verdade. É sério minha gente.

 

"O brincar é a mais alta forma de pesquisa."

                                  (Albert Einstein)

Um ótimo dia de trabalhos e conquistas a cada um dos meus leitores(as).

Aquele abraço,

Emerson Pugsley