Toque de Letra
Fantasma joga de cabeça erguida

A torcida aplaudiu o Operário Ferroviário após o apito final da partida disputada diante do Bragantino, na noite da última terça-feira, em Vila Oficinas. Com o resultado de 2 a 0 para o time de Bragança Paulista, o Fantasma adiou para a próxima temporada a briga pelo acesso à Série A. Mesmo assim, a massa alvinegra reconheceu a dedicação da equipe comandada pelo técnico Gerson Gusmão e ficou feliz com o que viu em campo. O Fantasma está de cabeça erguida.

Sem dúvida, como já foi dito, o Operário Ferroviário merece todo reconhecimento pela participação nesta edição do Campeonato Brasileiro da Série B. Sobretudo, nessa ascensão alvinegra no cenário nacional, a competição está servindo  como um grande aprendizado. Isso vale tanto para os jogadores, comissão técnica, diretoria, torcedores, imprensa e colaboradores. O Fantasma está iluminado e ano que vem tem Paranaense, Série B e Copa do Brasil.

Mas o campeonato ainda não acabou e a briga agora passa a ser pela melhor posição na classificação final. A ideia é vencer as três últimas partidas e terminar a competição o mais alto possível na tabela. São nove pontos ainda a serem disputados, com dois jogos fora em um em Vila Oficinas. Pela ordem, vem o Guarani, depois o Vitória e fecha contra o Figueirense, em Santa Catarina.

Saindo do gramado para a quadra, a Associação Caramuru Vôlei começa a disputar a Superliga A, a partir deste sábado, agora com o time denominado Ponta Grossa Vôlei. Mais uma vez o público ponta-grossense terá a chance de ver de pertinho uma competição de altíssimo nível, na Arena Multiuso. Porém, o primeiro jogo já é uma pedreira e será fora de casa, contra o Taubaté, simplesmente o atual campeão nacional.