Saúde em Pauta
FEVEREIRO ROXO: Mês de combate à Mal de Alzheimer, Lupus e Fibromialgia

Dione Navarro

 

O que é Lupus?

Conhecido cientificamente como Lupus Eritematoso Sistêmico (LES), o Lupus  é uma doença inflamatória autoimune, que pode afetar múltiplos órgãos e tecidos, como pele, articulações, rins e cérebro.  Se não for tratado corretamente, pode ser fatal.

Que significa doença autoimune?

É aquela onde o sistema imunológico não reconhece o próprio organismo e por engano, ataca órgãos e tecidos saudáveis como se fossem agentes invasores. Infelizmente, a maioria das doenças autoimunes são crônicas, mas não são transmissíveis. Os seus sintomas oscilam aparecendo ou desaparecendo sem uma explicação plausível. Existem mais de 80 doenças autoimunes, no entanto, o Lupus é considerado um dos mais graves e comprometedoras à qualidade de vida do paciente.

Quais os sintomas do Lupus?

Seus sintomas podem ser moderados ou graves, temporários ou permanentes, onde os sintomas podem se agravar ou desaparecer espontaneamente

 

Quais os sinais da doença?

O sintomas são muitos como : fadiga, febre, dor nas articulações, rigidez muscular, dor no peito ao inspirar profundamente, dor de cabeça, confusão mental e perda de memória, linfonodos aumentados, queda de cabelo ulcerações na boca, ansiedade, mal-estar geral, sensibilidade à luz do sol, edemas com inchaços, vermelhidão na face e ponta de nariz (rush cutâneo), lesões na pele que surgem ou pioram quando expostas ao sol.

 

Dependendo da parte do corpo afetada pode aparecer :

  • Pulmão: tosse com sangue e dificuldade para respirar;
  • Pele: coloração irregular da pele, dedos que mudam de cor com o frio (fenômeno de Raynaud);
  • Trato digestivo: náuseas e vômito. dor abdominal;
  •  Sistema nervoso: dormência, formigamento cefaleia, alterações de personalidade, psicose lúpica, convulsões, problemas de visão;
  • Coração: arritmia (ritmo cardíaco anormal).

Como prevenir o Lupus ?

Por ser uma doença autoimune ainda não existem protocolos de prevenção. no entanto, estilo de vida saudável, evitar exposição ao sol e promoção da saúde podem ser fatores bem contributivos.

 

Dione Navarro é farmacêutica -bioquímica com Doutorado em Química de Produtos Naturais, Especialização em Fitofármacos e Fitoterapia, Homeopatia e Florais de Bach. Presidente da Academia Ponta-grossense de Letras e Artes.