Visão Empresarial
Qual o caminho que devo seguir para encontrar a melhor solução para um problema?

Não se prenda

Nesta semana aqui na coluna visão empresarial eu estou comentando sobre dez regras que um profissional pode utilizar para melhorar a solução dos problemas da empresa. Ontem comentei que a regra número um é que todo problema tem um tamanho e pronto; e a regra número dois é não permita que a outra parte deturpe a sua visão sobre o tamanho de um problema. Hoje comento a regra número três e a regra número quatro. A regra número três diz: não se prenda numa solução, pois em alguns casos as pessoas, tentando se preparar para uma negociação, tentando antever como poderão resolver o problema, acabam elegendo apenas uma solução.

 

*****

Mente aberta

Elas passam a lutar como se aquela solução fosse a única possível, passam inclusive a tentar transformar o problema para que aquela solução seja adequada. Eu já vi situações tão críticas em que a pessoa chegou ao cúmulo de construir um problema apenas para justificar que a sua solução deveria ser implementada. Ao contrário, devemos ter a mente aberta e não se prender a uma solução específica deixando de avaliar todas as alternativas. Essa é a regra número três: não se prenda a uma solução. Regra número quatro: escute a outra parte porque além de ouvir argumentos, de ouvir todas as justificativas e pedidos, você também receberá a indicação de qual é a solução para aquela questão.

 

*****

Ouvir

E, ao descobrir a solução que a outra parte deseja poderá se surpreender com uma solução que exige muito menos esforço e energia, com muito menos custo do que você esperava ter de realizar e entregar. Por isso lembre-se das duas regras de hoje. A de número três diz que você não deve se prender a uma solução e a de número quatro diz que quem escuta em vez de falar vai perceber não apenas os argumentos da outra parte como poderá também identificar a melhor solução para aquela situação. Pense nessas quatro regras que comentei hoje e amanhã continuamos aqui na coluna Visão Empresarial com mais duas regras para você melhorar a solução dos problemas na sua empresa.

 

Luciano Salamacha