Psicologia em pauta
Vida

Lílian Yara de Oliveira Gomes

CRP 08/17889

 

“A vida é um conceito muito amplo e admite diversas definições. Pode-se referirː ao processo em curso do qual os seres vivos são uma parte; ao espaço de tempo entre a concepção e a morte de um organismo; à condição de uma entidade que nasceu e ainda não morreu; e àquilo que faz com que um ser esteja vivo”.

Creio que desde que iniciei, meus ensaios/textos para serem veiculados semanalmente, neste meio de comunicação, sempre abordei acerca da vida. Porém hoje o faço, por motivo especial, devido a acontecimentos relativos diretamente à minha vida pessoal.

Famílias festejando a vida, outra despedindo-se de um ente querido e eu mesma, depois de dias de angústia, feliz pela recuperação de alguém muito especial. Essa é a vida real. E tudo acontece, num concomitante incrivelmente fascinante e ao mesmo tempo, instigador, desgastante, porém pleno de afetos, emoções e muito amor.

E esse amor é que “devia” ou melhor “deve” nos mover ao longo de nossa existência. Exercitar nossa resiliência, nossa paciência e dar o tempo necessário para o devido curso natural das resolutivas específicas de cada fato, ato e/ou situação.

E, sentindo plenamente o viver, hoje, concluo com Gonzaguinha:O Que É, o Que É...

Eu fico com a pureza
Da resposta das crianças
É a vida, é bonita
E é bonita

Viver
E não ter a vergonha
De ser feliz
Cantar e cantar e cantar
A beleza de ser
Um eterno aprendiz

Ah meu Deus!
Eu sei, eu sei
Que a vida devia ser
Bem melhor e será
Mas isso não impede
Que eu repita
É bonita, é bonita
E é bonita

Viver
E não ter a vergonha
De ser feliz
Cantar e cantar e cantar
A beleza de ser
Um eterno aprendiz

Ah meu Deus!
Eu sei, eu sei
Que a vida devia ser
Bem melhor e será
Mas isso não impede
Que eu repita
É bonita, é bonita
E é bonita

E a vida
E a vida o que é?
Diga lá, meu irmão
Ela é a batida de um coração
Ela é uma doce ilusão
Êh! Ôh!

E a vida
Ela é amar a vida ou é sofrimento?
Ela é alegria ou lamento?
O que é? O que é?
Meu irmão

Há quem fale
Que a vida da gente
É um nada no mundo
É uma gota, é um tempo
Que nem dá um segundo

Há quem fale
Que é um divino
Mistério profundo
É o sopro do criador
Numa atitude repleta de amor

Você diz que é luta e prazer
Ele diz que a vida é viver
Ela diz que melhor é morrer
Pois amada não é
E o verbo é sofrer

Eu só sei que confio na moça
E na moça eu ponho a força da fé
Somos nós que fazemos a vida
Como der, ou puder, ou quiser

Sempre desejada
Por mais que esteja errada
Ninguém quer a morte
Só saúde e sorte

E a pergunta roda
E a cabeça agita
Eu fico com a pureza
Da resposta das crianças
É a vida, é bonita
E é bonita

Viver
E não ter a vergonha
De ser feliz
Cantar e cantar e cantar
A beleza de ser
Um eterno aprendiz

Ah meu Deus!
Eu sei, eu sei
Que a vida devia ser
Bem melhor e será
Mas isso não impede
Que eu repita
É bonita, é bonita
E é bonita

Adicionar à playlistTamanhoAACifraImprimirCorrigir